O dia de 25 horas

Sempre achei estranha a nossa forma de ensinar Ciências nas escolas. Ora, a base do pensamento científico é não ater-se à lógica ou ao que o mestre diz, mas contrapor tudo o que se supõe correto à realidade. Testar suas hipóteses. Confesso que eu mesmo, a despeito de toda a força que faço, devo incidir nesse erro de vez em quando. Dizer que o universo surgiu de uma grande explosão e vem se expandindo desde então é tão dogmático quanto dizer que a terra foi feita em seis dias de trabalho de Deus (catolicismo, judaísmo e islamismo), a partir da divisão em dois do dragão Tiamat (mitologia suméria) ou das entranhas do Deus Sol (Índios Cherokee).

Um dos dogmas científicos mais divulgados é que a Terra é um planeta redondo orbitando ao redor do sol. Tudo bem, isso só passou a ser aceito como verdade virtualmente absoluta em astronomia devido à avassaladora quantidade de evidências em favor dessa teoria. Mas, seja franco, quanto foi que você já botou à prova a idéia de que a terra é redonda? Se você ignorar os conteúdos de escola parece bastante intuitivo que a Terra seja plana, já que não é possível ver sua curvatura do nosso ponto de vista. Já estive em paragens abertas como uma giga-plantação de soja no Mato Grosso ou um desfiladeiro em Chapada Diamantina e juro que não vi nem um grauzinho de inflexão em defesa da Terra redonda.

Hoje foi meu aniversário e foi um dia ímpar para mim. Amanheci em Brasília, onde passava alguns dias com minha família. Logo pela manhã peguei um vôo para o Mato Grosso, para encontrar minha esposa e passar o resto do dia. Acontece que o Mato Grosso tem uma hora de diferença de fuso horário em relação a Brasília, por isso meu aniversário foi um dia de 25 horas. Maluquices apenas possíveis graças à nossa Terra redonda.

Se isso não é o suficiente para convencê-lo (Aliás, espero que não seja, afinal, fusos horários são convenções humanas, e não astronômicas) proponho dois experimentos: o primeiro consiste em telefonar assim que o sol se puser para alguém que more em algum ponto mais ao leste ou a oeste e perguntar como está o céu ali. Fiz isso outro dia ligando do Mato Grosso para conhecidos de férias em Recife, parentes no Rio e em Brasília e o resultado foi bem divertido. Outra idéia seria combinar uma hora para que pessoas em vários lugares do globo colocassem no chão uma haste de 30 cm e medissem sua sombra e para que lado ela estaria apontando com a ajuda de uma bússola. Vamos combinar a brincadeira aqui? O dia será domingo, 11/01/2009, vou fazer meu experimento aqui em Cuiabá às 11 h local; meio-dia em Brasília, Rio, São Paulo etc; 13 h em Fernando de Noronha e por aí vai. Se possível batam fotos do experimento e enviem para mim que eu vou fazer outro post nos dias que se seguirem falando sobre isso.

Discussão - 4 comentários

  1. Luis Brudna disse:

    Vamos arrumar uns voluntários.
    Se eu lembrar farei o experimento.
    Que tal escrever um texto com as instruções passo a passo para padronizar os resultados?

  2. Thiago disse:

    Na verdade a noção de que a Terra é redonda é bem estabelecida a muitos séculos. Pros gregos clássicos, isso já era uma espécie de “tradição”, ao que tudo indica, herdada dos babilônios.
    Estamos falando aí de uns 500 anos ANTES de Cristo. Mas é igualmente fato que na China do mesmo período, existia a noção de Terra plana.
    A noção de que a Terra era redonda não vinha da observação da curvatura do planeta, mas do movimento do Sol. Ptolomeu faz uma argumentação bastante convincente em seu “Almagesto”, e embora seja uma obra do século I D.C, é basicamente a transposição da tradição helênica.
    Tudo muito curioso, essa questão do formato da Terra.

  3. Kim disse:

    Entendi a idéia: ao invés de simplesmente informar de que é redonda, MOSTRAR que é redonda! A idéia de telefonar para alguém distante é boa, e tenho outras idéias:
    – para quem mora próximo ao mar, é possível mostrar o experimento de Colombo: ver um navio desaparecer no horizonte;
    – mais complicado: observar eclipses lunares, e se certificar de que a sombra da Terra sobre a Lua é sempre redonda, o que só é possível para uma esfera;

  4. Claudia Chow disse:

    Ah, q pena, so fiquei sabendo desse experimento agora!
    Mas pra mim a Terra é redonda por associacao, se a Lua e as estrelas sao redondos, a Terra tb deveria ser… hehe

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM