Patas e Preconceitos

Muitos animais que vivem ou se refugiam em árvores desenvolveram adaptações que permitem que os seus dedos apertem involuntariamente, com um gasto de energia mínimo .
Se oser humano se quiser agarrar a um ramo de árvore necessita efectuar uma enorme força muscular com o consequente gasto energético.
Pelo contrário, morcegos, aves e outros grupos de animais desenvolveram mecanismos nos seus tendões que lhes permitem, de forma “automática”, unir os seus dígitos.
Conhecem-se casos em que foram encontrados animais mortos ainda agarrados a troncos de árvores como consequência daquele mecanismo de preensão.

Este processo evolutivo fez-me lembrar os preconceitos.
Como, em determinados contextos, podemos ficar presos ou mortos por não sermos capazes de os largar…

(Fotos – pata de corvo – site “Six Feet Under”; pisco morto ainda agarrado a ramo – site “Tetrapod Zoology”, de Darren Naish)

Discussão - 0 comentários

Participe e envie seu comentário abaixo.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM