AVÔ SALVA NETO?

Duas notícias com uma base comum.

O degelo verificado em vastas áreas da Sibéria tem revelado enormes quantidades de presas de mamute.
As restrições ao comércio de marfim de elefantes, em Outubro passado, levaram ao aumento do preço daquele material contribuindo para que os vestígios paleontológicos sejam vendidos entre os 800 e os 1000 dólares o quilograma.

Uma questão curiosa se coloca – os antepassados dos actuais elefantes estão a contribuir para a preservação dos seus descendentes…

A segunda notícia relata as análise efectuadas a um mamute juvenil, excepcionalmente conservado, designado informalmente de Lyuba.

PDF com alguma informação sobre os mamutes – aqui

Fontes das notícias – daqui , daqui e daqui

Imagens – Chien-Chi Chang/Magnum Photos; Reuters/Daniel Fisher/University of Michigan/Handout

Discussão - 3 comentários

  1. lacto bacillus disse:

    Boa noite.Só para dizer que não conhecia o blogue e que gostei muito pelo que já está nos marcadores.

  2. Obrigado pelo elogio! Continuação de boa “actividade”.AbraçoLuís azevedo Rodrigues

  3. dfgssg disse:

    pergunta:foi conprovado q esse animal é um mamute de verdade e como ele foi tao preservado????

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM