Os genes na evolução humana e nas doenças do coração

Neste fim de semana, a programação cultural paralela à exposição Revolução Genômica traz um dos principais cientistas do mundo na área de genética de populações e de evolução – o norte-americano Alan Templeton, da Universidade Washington, em Saint Louis, Missouri.

Às 15h de sábado (29/03), o pesquisador fala sobre o tema “A evolução humana nos últimos 2 milhões de anos: genes”.

Às 11h do domingo (30/03), a apresentação aborda o assunto “Usando abiologia evolutiva para estudar doenças arteriais coronarianas”.

Após a apresentação dominical, haverá exibição do filme O Enigma de Andrômeda, de Robert Wise, um clássico da ficçãocientífica de 1971.

Com fama de provocador e amante dos embates científicos, Templeton costuma questionar em seus trabalhos, muitos de caráter multidisciplinar, conceitos evolutivos tidos como consagrados. Seus estudos envolvem a aplicação de estatísticas e técnicas de genética molecular e de populações emvários tipos de problemas evolutivos, tanto em áreas básicas como aplicadas. Usa, por exemplo, a abordagem evolutiva em trabalhos de genética clínica, para estudar doenças coronárias (tema dasegunda palestra) ou o desenvolvimento do vírus da Aids em pacientes infectados pelo HIV.

A área de conservação biológica também é alvo de seus estudos de genética evolutiva. Seu principal foco de interesse é o impacto causado por queimadas em florestas manejadas na estrutura genéticadas populações que habitam essas áreas, como as do lagarto Crotaphytus collaris collaris.

Templeton, que foi por um breve período professor visitante na Universidade de São Paulo (USP) no ano de 1976, também se debruça sobre temas básicos da biologia, como o conceito de espécies e a evolução humana recente.

Filme – No domingo, após a segunda palestra de Templeton, haverá a exibição da fita “O Enigma de Andrômeda”, de Robert Wise, um clássico da ficção científica de 1971. Baseada no bestseller homônimo do escritor Michael Crichton, a produção norte-americana conta a história de uma pequena cidade infectada por uma bactéria fatal e misteriosa trazida à Terra pela queda de um satélite espacial. Com duração de 131 minutos, o filme mostra a luta dos cientistas para encontrar a cura dessa estranha enfermidade.

Onde: Pavilhão Armando de Arruda Pereira (a antiga sede do Prodam), em frente ao planetário, noParque do Ibirapuera, na cidade de São Paulo.

A entrada para os eventos, organizados pela revista Pesquisa FAPESP, é gratuita. Recomenda-se fazer inscrição para as palestras no site www.revolucaogenomica.com.br (em “Atividades Culturais”).

Discussão - 1 comentário

  1. João Carlos disse:

    Maria, posso lhe pedir um favor pessoal?… Eu estou muitíssimo interessado na parte que toca as doenças coronarianas (não fosse eu um “safenado”). Qualquer informação adicional sobre o assunto seria extremamente bem vinda.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM