Gödel, Lewis Carroll e as eleições americanas

Qual o artigo a Constituição dos Estados Unidos dá ao povo o direito de eleger o presidente?
Resposta: nenhum! 
A Carta diz apenas que os Estados enviarão delegados ao colégio eleitoral, e que esses delegados, por sua vez, escolherão um presidente. A Constituição é omissa quanto à forma como cada Estado deve escolher seus delegados (e foi esse o motivo que levou a Suprema Corte a declarar que a recontagem dos votos na Flórida, em 2000, era irrelevante). 
Uma outra anedota sobre a Constituição americana diz que Kurt Gödel, um dos maiores matemáticos do século 20, certa vez afirmou que havia encontrado um meio perfeitamente lógico de transformar os EUA numa ditadura, sem violar a Constituição. O truque envolveria uma série de emendas à Carta.
E onde Lewis Carroll entra nessa? O fato é que o reverendo Charles Dodgson escreveu uma série de panfletos sobre a melhor forma de decidir uma disputa por meio do voto.
Como a maioria dos matemáticos e especialistas em lógica que se debruçaram sobre o tema, ele considerava o método de voto majoritário — um voto para cada eleitor, ganha o candidato mais votado — extremamente insatisfatório em qualquer situação com três ou mais candidatos, por causa da possibilidade da divisão do voto: dois candidatos com propostas semelhantes poderiam dividir o eleitorado a favor dessa proposta e levar um terceiro, com idéias objetivamente mais impopulares que as da dupla, à vitória.

Discussão - 2 comentários

  1. Igor Santos disse:

    Não entendi o final. Quem considerava o voto majoritário falho, Carroll ou Dodgson?

  2. cretinas disse:

    Lewis Carroll era o pseudônimo de Dodgson (desculpe, eu devia ter explicado direito…)

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM