O primeiro passo para um grande passo

O pequeno passo de Neil Armstrong, na Lua em 20 de Julho de 1969, é resultado de vários passos do Programa Espacial da NASA, iniciado no final da década de 50.

Explorer 1

Realizando seu primeiro movimento naquilo que viria a ser chamada de corrida espacial, os EUA lançaram na noite de 31 de Janeiro de 1958 o Explorer 1, primeiro satélite americano a entrar em órbita.

A bordo da cápsula de pouco mais que dois metros de comprimento e quinze centímetros de diâmetro, um rádio transmissor, sensores de temperatura e colisão de micrometeoritos, e um detector de raios cósmicos.

Os dados da Explorer 1 (e posteriormente da Explorer 3) foram responsáveis pela descoberta de um cinturão de radiação que envolve a Terra, conhecido hoje em dia por Cinturão de Van Allen, em homenagem ao seu descobridor, James Van Allen, Físico responsável pela criação dos instrumentos científicos da Explorer 1.

Equipe do Explorer 1

William H. Pickering, James A. Van Allen e Wernher von Braun

 

 

 

 

 

 

 

Ironicamente, o mesmo Cinturão de Van Allen, descoberto pelo primeiro passo dos americanos no espaço, é usado hoje em dia pelos conspiradores das alunissagens para negar o mais importante passo dos americanos no espaço.

Discussão - 2 comentários

  1. Clóvis disse:

    Como o cinturão pode ser usado para negar a ida do homem à lua? Não entendi essa parte.

    • Alan Mussoi disse:

      Oi, Clóvis.

      Os conspiracionistas alegam que o cinturão radioativo teria um efeito letal sobre os astronautas. Alegam que nem roupa nem nave seriam suficientes para a proteção.

      Vale lembrar que os primeiros seres vivos que atravessaram o Cinturão de Van Allen eram soviéticos. As tartarugas foram resgatadas com vida após um passeio em torno da Lua.

      Até. 🙂

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM