A Esquizofrenia em Caminho das Índias

20090506_gagliasso.jpgAcho muito legal o trabalho que a novela Caminho das Índias têm feito na divulgação das doenças mentais. Querendo ou não, este é um meio de comunicação de enorme alcance e, de tanto comentarem, me rendi e também passei a assistir a novela. Achei tanto o psiquiatra (Stênio Garcia) quanto o Tarso (Bruno Gagliasso) personagens muito legais. Depois que eu tiver assistido mais cenas poderei comentar mais sobre eles, mas por enquanto já posso falar um pouco da esquizofrenia e do que eu tenho visto.
A esquizofrenia é um transtorno comportamental que envolve padrões de compotamento como delírios, aluncionações, isolamento social, entre outros. Já vi gente reclamar que a novela tem “simplificado demais” a esquizofrenia, que é muito mais do que o que está sendo mostrado, que é uma doença grave e que a novela não estaria a levando a sério. Pelo que percebi isto não é verdade, estas críticas podem estar ocorrendo pela ênfase que a novela está dando (corretamente) aos fatores sociais.
Acontece que, embora existam pesquisas sendo feitas e pistas sendo seguidas, até hoje ninguém sabe de onde vem a esquizofrenia, nem nunca foi encontrada nenhuma base genética ou alteração neuroquímica que cause esta condição com 100% de certeza. E mesmo que estes fatores influenciem, a pessoa nunca desenvolverá a esquizofrenia sem os fatores estressores. E estes fatores estão sempre no ambiente.
E quando eu digo ambiente me refiro ao físico, histórico e social. Alguns exemplos podem ser mudar de cidade, de escola, um trabalho novo, a morte de alguém próximo, o fim de um relacionamento, enfim, inúmeras situações podem ou não ser estressoras dependendo da pessoa e sua história de vida. Isso só é descoberto através de uma entrevista clínica.
E nem sempre esta é uma condição debilitante: é só assistir ao filme Uma Mente Brilhante, que mostra o famoso matemático John Nash que, mesmo sendo esquizofrênico, recebeu o prêmio Nobel.
Enquanto vou assistindo a novela, também acompanharei o blog do ator Bruno Gagliasso (http://gagliassoblog.com/), que têm focado este assunto.

Discussão - 10 comentários

  1. Clarissa disse:

    Bom ler a opinião de alguém que entende razoavelmente do assunto sobre o debate se a novela está prestando serviço ou deserviço. E você colocou os fatores de forma direta e simples. 🙂

  2. Edu disse:

    Eu não gosto de novela e curso a faculdade no período noturno, então não faço a menor idéia do que está acontecendo, porém, fico feliz em saber que a novela está falando sobre alguns problemas mentais.
    Seria legal se você comentasse o que a novela aborda corretamente e incorretamente, do ponto de vista teórico. Não sei quantos estudantes de psicologia lêem seu blog, mas para mim seria muito interessante, pois ainda estou no primeiro ano e entrando no mundo psi.
    Abraço,
    Edu

  3. Paula disse:

    Eu assisti apenas alguns episódios da novela (uns 3 ou 4) mas já achei bastante corajoso da autora expor a doença dessa maneira. Família rica, amigos, namorada, um cara bonito – ou seja, a esquizofrenia pode se manisfestar em qualquer pessoa.
    Sempre há exageros na novela – só espero que não fique tudo muito caricaturado.

  4. Antonio J. N. dos Santos disse:

    Eu tenho assistido algumas vezes durante momentos em que estou na sala da casa da minha namorada e acho que tá mostrando muita realidade do que é a esquizofrenia e o que ela representa para as pessoas, inclusive a discriminação que a pessoa acometida sofre. Claro que não mostra todo o contexto, pois existem passagens na vida do esquizofrênico que somente ele e, talvez, profissionais da área de saúde mental que sejam muito bem treinados e experientes para que possam entender, o que por vezes o esquizofrênico não sabe descrever de forma que pessoas que não entendam do problema venham a compreender.Sem falar das perdas de habilidades e funcionais dos esquizofrenicos, desde o início do surgimento ou diagnóstico da doença até o prolongamento de sua vida. Mas, a novela poderia dar uma ajuda em termos de fazer com que se entenda que a esquizofrenia causa danos que são no mínimo comparáveis com deficiência, pois, inclusive, além de atacar os pensamentos da pessoa fazendo um estrago muito grande na parte cognitiva, ela provoca algo como uma fadiga crônica, acredito que provocada pelo estado de estresse permanente a que está sujeito o esquizofrênico. Eu sou apenas um dos esquiofrêncios da minha família e para completar, minha namorada está em acompanhamento no campo da saúde mental há uns dois anos. Ela ainda não foi diagnosticada, mas acredito que é esquizofrênica ou, no mínimo, bipolar. Sendo a esquiofrenia entendida como uma causa de deficência, eu agradecerei muito, pois, não precisarei, por exemplo ter que ficar explicando motivos pelos quais eu entro em filas prioritárias ou preferenciais, mesmo apresentando um laudo médico. Daí, eu terei direito a tirar a carteira de deficiente e não precisarei me explicar para ninguém.

  5. Antonio J. N. dos Santos disse:

    Somente para constar, na verdade, na novela caminho das índias, a primeira personagem esquizofrênica que percebi e acompanhei é um representado por um ator jovem, negro que estava pedindo ao seu psiquiatra que arranjasse um emprego para ele. Gostei desse ponto, pois, demonstra um pouco a dificuldade de se colocar no campo de trabalho uma pessoa que sofre de esquizofrenia. Essa mesma personagem telefonou para uma psicóloga ou psiquiatra e disse que iria se matar, pois, estava recebendo uma ordem através de uma voz, dizendo que ele deveria se matar, então a psicóloga disse para ele que poderia esperar até o outro dia para realizar aquilo. Já no outro dia não mais ouviu a perturbação e não atentou contra a própria vida. Isso é muito comum em esquizofrênicos, principalmente quando não estão tomando a medicação e/ou estão sem acompanhamento psicológico. Em outra cena percebi que a personagem do ator estava tocando uma barulheira tremenda se utiliando dos utensílios de cozinha de sa mãe, como talheres e panelas. (não sei o nome do ator e nem da sua personagem porque não assisto muito a televisão, mas ele também está fazendo um ótimo papel, pelo qu eu percebi).

  6. Jessy disse:

    Pow tu eh gatchenho hein….HAHAHA’ : D

  7. elisa alice klusener disse:

    toda nossa familia;achamos muito bom; a materia sobre a esquizofrenia;que esta tendo na novela caminho das indias;temos um caso na familia;esta nos ajudando ter mais conhecimento sobre a doença;tenho certeza que tambem ao mundo inteiro;moramos numa cidade muito pequena;onde o atemdimento na saude e muito precario;tudo isso esta nos ajudando;muito

  8. Carlos disse:

    Olá me desculpe mas sou esquizofrenico e não vejo a novela me retratar a doença pelo contrário está tornando minha vida um inferno e está aumentando o preconceito cada vez mais e esse ator não está nem perto do russel crown em uma mente brilhante é só uma cópia brasileira de um filme como muitas novelas fazem e quanto a sua formação me desculpe vc fala sobre esquizofrenia como um psiquiatra mas todos nós sabemos q psicologos não dão nenhuma atenção a essa doença pois já passei por vários e eles dizem q a doença é psicologica e não uma doença heretaria de fator genético vc está totalmente errado essa novela só serve para pessoas como vc q nunca viu a doença ficar levantando bandeira pra conseguir paciente e espaço na mídia
    me desculpe mas só um esquizofrenico para retratar o esquizofrenico ou um ator digno do oscar como russel crown

  9. julio santos disse:

    Eu tenho um filho esquizofrenico e acho um horror éo que os médicos e psiquiatras fizeram com ele: entupiram ele de remédio atéficar com a lingua dura e babando pelos cantos da boca!!!
    Não sei se é genetico sei que as pessoas não vivem só de seu corpo mas da realização de tarefas sociais como trabalho, relações afetivas etc..e nesse sentido a psicologia é que conseguiu ajudá-lo e muitooo!!

  10. Felipe Epaminondas disse:

    Isso é verdade Júlio! Gostei muito do seu comentário! Abração!

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM