Já me disseram que muitas das cores que nos impressionam em animais marinhos não existem de verdade. Ou melhor, existem, mas normalmente não são visíveis, já que a luz vermelha é logo barrada e tudo fica azulado.

Já que muitos tons não estão lá e vemos graças à iluminação levada pelo mergulhador, por que não experimentar com outras cores e ver os pólipos (parentes da água-viva que ficam parados e podem formar corais verdadeiros) de uma maneira diferente?

E o Vimeo segue se mostrando uma boa fonte de vídeos mais artísticos. Para quem gostou e tem 9 minutos para ver mais um, recomendo o de baixo.