Venha para a OpenCon 2016


OpenCon 2016
Em 2015, tive o prazer de participar pela primeira vez da OpenCon, um¬†encontro anual sobre¬†acesso aberto. Um evento aberto todo tipo de conte√ļdo, educa√ß√£o aberta, dados e publica√ß√Ķes, que traz desde estudantes interessados a desenvolvedores de plataforma e tomadores de decis√£o.¬†E que acaba de abrir¬†a inscri√ß√£o para a OpenCon 2016, em Washington, com bolsas para quem n√£o pode bancar a viagem! Mas antes de explicar como voc√™ pode aplicar, porque eu acho que voc√™ deveria ir se tem qualquer interesse por acesso √† informa√ß√£o, ou pelo menos acompanhar online o que √© discutido l√°.
Introdução rápida a Acesso Aberto
Se voc√™ n√£o sabe o que √© acesso aberto, o acesso aberto √© uma iniciativa de acesso livre (e de certa forma irrestrito) √† informa√ß√£o relevante. Como por exemplo a Wikip√©dia, uma plataforma gr√°tis, edit√°vel pelo p√ļblico, que d√° acesso √† conte√ļdo para milh√Ķes de pessoas. Se voc√™ j√° usou a internet, provavelmente j√° acessou a Wikip√©dia e entende a relev√Ęncia dessa ferramenta ‚Äď e se fez isso, vai gostar da apresenta√ß√£o abaixo ‚Äď e de outras ferramentas como Recursos Educacionais abertos, que professores e alunos podem usar sem restri√ß√£o. Acesso aberto tamb√©m envolve acesso a artigos cient√≠ficos e √† informa√ß√£o contida neles. E acesso aos dados captados por √≥rg√£os p√ļblicos ou na pesquisa financiada com verba p√ļblica e publicada¬†em artigos.
A OpenCon 2015
O encontro¬†de 2015 me marcou por uma s√©rie de motivos. Al√©m de ter um grupo enorme de pessoas interessantes e interessadas em acesso √† informa√ß√£o, ainda organizou as intera√ß√Ķes e os debates da maneira mais produtiva que j√° vi. O encontro foi em Bruxelas, na B√©lgica, e durou os mesmos tr√™s dias. Durante os dois primeiros, os participantes apresentaram e debateram uma s√©rie de quest√Ķes relacionadas a acesso aberto, de problemas a plataformas de acesso. Mas o terceiro dia foi algo in√©dito para mim.
O encontro foi em Bruxelas por um √≥timo motivo. Bruxelas √© o equivalente √† Bras√≠lia em uma escala maior, onde fica o Parlamento Europeu. No terceiro dia fomos justamente falar com representantes pol√≠ticos europeus, de membros do parlamento a conselheiros pol√≠ticos. Foi marcante descobrir o qu√£o simples pode ser expor uma ideia importante para quem tem o poder de propor e aprovar leis. T√£o importante quanto os dias discutindo as ideias de acesso √© apresent√°-las para quem concretiza esse tipo de ideia no mundo real. E para um pol√≠tico √© surpreendente “simples” ouvir algu√©m envolvido com pesquisa, sem os interesses financeiros de um lobista. Ainda mais quando tudo o que tinham ouvido sobre acesso a pesquisa at√© o momento havia sido representantes das editoras interessadas em impedir qualquer mudan√ßa nessa dire√ß√£o.
Ou seja, além da discussão sobre sobre uma situação que precisa ser mudada, ainda trouxe para casa uma lição sobre como ou onde agir para trazer as mudanças.
Como ir para a OpenCon
Al√©m de poder acompanhar as mesas e apresenta√ß√Ķes online, a OpenCon oferece bolsas de viagem e estadia ‚Äď ano passado foram 150 delas.¬†As inscri√ß√Ķes para bolsas est√£o abertas at√© dia 11 de Julho neste site, basta enviar uma aplica√ß√£o falando sobre voc√™, seu envolvimento com Acesso Aberto e o que lhe interessa na OpenCon. Para quem ainda n√£o est√° convencido sobre a import√Ęncia dessa discuss√£o, postarei algumas li√ß√Ķes que aprendi em¬†2015.
 


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *