Vídeo fantástico: Aquário de Okinawa

Pra mim, uma das coisas mais legais de se viajar, é visitar museus de história natural, zoológicos e, é claro, aquários. Se bem tratados, se os ambientes estiverem enriquecidos com brinquedos e brincadeiras (como caça a comidas, por exemplo), os animais ficam muito mais felizes e obviamente evitam bastante o estresse que pode ser viver em cativeiro.

Uma das principais tarefas dos zoológicos e aquários é proporcionar aos animais a melhor vida que se possa ter e mais parecida com o que possa ser viver ao natural (óbvio que nunca vai ser igual ao da vida no ambiente natural, mas tem que ser muito próximo da realidade).

A outra função primordial desses locais é proporcionar aos visitantes um espaço de educação não formal especial, no qual se é convidado a aprender mais sobre os seres vivos e, no caso dos museus, dos não-vivos (como rochas e peças que fazem parte de uma cultura) e dos que já foram vivos, mas que podem já estar extintos. Com isso, os visitantes podem se abrir a conceitos mais amplos como de conservação e preservação do meio ambiente, respeito à vida e às sutilezas e maravilhas das diferenças entre os seres da mesma espécie e das imensas diferenças existentes entre organimos de espécies diferentes, todas dividindo nossa imensa bola azul.

Sabendo disso, recebi da Paula um vídeo do aquário de Okinawa que achei fantástico! E claro, agora vou ter que visitar o Japão e vou ter que ver esse aquário com os meus próprios olhos. Sonhar  não custa nada e é o primeiro passo para uma realização, então vou sonhando assistindo a esse vídeo. Aí vai (notem os tubarões baleia e as raias, que fazem um show particular – e comparem o tamanho do aquário e dos animais com o dos mergulhadores no canto inferior esquerdo):

Todos os créditos para Jon Rawlinson

Não é fantástico?

Discussão - 10 comentários

  1. Luiz Bento disse:

    Nossa, realmente muito interessante o vídeo. Detalhe que o título diz que este aquário é o segundo maior do mundo. Imaginem o primeiro.

  2. Pois é… sabe o que me deixou com dúvida? Se para eles considerarem um aquário “o maior” eles consideram o aquário que tem o maior recinto OU eles consideram a soma dos volumes de todos os recintos.
    Porque fala sério: nesse recinto tem 3 tubarões baleia!!!! Imagina um maior que esse?

  3. Igor Z disse:

    Fantástico o aquário! Só não entendi no texto a frase “Sabendo disso, recebi da Paula um vídeo do aquário de Okinawa que achei fantástico!”
    Você recebeu de vc mesma??

  4. Maravilhoso…
    Fiquei hipnotizado vendo o video. Lembrou muito de quando eu tinha uns 13-15 anos, e estava dedicido a fazer Oceanografia.
    Teve um cara do lab que ficou falando até o final que era fake… Acho que ele ficou impressionado demais prá achar que era verdade.

  5. Igor,
    Ainda bem que não sou a única Paula no mundo, né? rsrsrsrs.
    Gabriel,
    Eu mesma assisti ao vídeo umas 10 vezes antes de postar… Fiquei fascinada pelo aquário. Agora vou ter que ir pra Okinawa só pra ver de perto!

  6. maria disse:

    lindo mesmo! no aquário de monterey, na califórnia, tem um aquarião assim de alto mar. mas lá o fundo é escuro, de maneira que dá a impressão de se estender pra sempre. tinha um peixe-lua (Mola mola), um bicho sensacional. não sei se ainda tem.

  7. rosilenica disse:

    Lindíssimo!!!! Deve ser maravilhoso estar lá e ver tudo de pertinho.

  8. Carlos Minhoca disse:

    Realmente maravilhoso! Acho que seria impossível alguém descrever uma visão como estas em palavras.
    São visões assim que aumentam ainda mais meu fascínio pela minha profissão de Biólogo, e da até uma pontinha de inveja dos biólogos marinhos.
    Quando eu crescer quero um aquário desses lá em casa!

  9. Fico só imaginando que as vezes falta tempo pra regar as plantas… imagina para alimentar tubarões! Rsrsrsrs acho que vou passar a ideia de ter um aquário em casa – fora que minha experiência com betas já não é lá essas coisas, então nem me arrisco mais a ter peixe em casa…

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM