Escolha uma Página

Ontem, ao voltar de um churrasco em Rio Claro que provavelmente terá consequências desastrosas para o meu fígado (como sempre…), fui dar uma olhada no Twitter e descobri que tinha saído o resultado da votação do Prêmio ABC para Blogs Científicos, organizado pelo Laboratório de Divulgação Científica da USP de Ribeirão Preto.

Fui ver os ganhadores no Blog Sem Ciência do Prof. Osame Kinouchi e, para minha surpresa, descobri que o RNAm ficou em terceiro lugar na categoria Ciências da Vida!

O que é mais legal sobre esse prêmio: somente quem pertence ao Anel de Blogs Científicos pôde votar, ou seja: são os eleitores mais críticos que se pode arrumar numa votação. Praticamente um Oscar dos blogs científicos (OK, agora forcei) já que foi uma “votação por pares”, nos melhores moldes da Ciência atual 😉

Foi realmente muito bom saber que muitos dos nossos colegas de trabalho gostam do conteúdo que produzimos aqui no RNAm. Ainda mais quando vemos que o Anel de Blogs Científicos tem tantos blogs bons em várias categorias, que foi outra coisa que gostei muito em relação a essa iniciativa: descobri muita coisa legal prá acompanhar (adeus Google Reader zerado).

No próximo final de semana vai acontecer a premiação… lá em Arraial do Cabo, onde ocorrerá o II EWCLiPo (Encontro de Weblogs Científicos em Língua Portuguesa). Essa viagem continua ficando cada vez mais interessante.

Nota do Rafael_RNAm:

Eu como fundador deste blog estou muito feliz. Primeiro a colocação entre os cem no TopBlogs, onde quem escolhia eram os leitores, e agora este terceirão do Anel de Blogs Científicos. É isso que chamam de sucesso de público e crítica?

Alguém pode dizer que nós estamos festejando demais estes prêmios. Mas escrever este blog é querer um mínimo de visibilidade para temas científicos urgentes a todos hoje em dia. Ele é a nossa pequena ação social. E os prêmios são atestados de que estamos no caminho certo.

Agradeço aos leitores, colegas e (antes que o Kanye me interrompa) ao Gabriel que deu um novo gás ao blog.

Que o RNAm continue se expressando!