Pois tua alma é de chumbo e segredo

Se eu fosse paulistano, talvez não estivesse trabalhando hoje.
Dia 3 de junho é Dia do Escrevente Cartorário na cidade de São Paulo.
Ao invés disso, eu vou trabalhar, vou escrever pouco (aqui, no meu trabalho eu vou passar o dia todo escrevendo, que é a função de um escrevente…) mas vou mostrar algo histórico (relevantemente histórico, já que tudo o que acontece acaba virando história mas nem sempre vale a pena ser lembrado).
raio-x
Isso aí, senhoras e senhores, foi a primeira foto tirada usando raios-x.
É a primeira duma mão não. Nem a primeira duma parte do corpo. É A PRIMEIRA foto. De todas. Nem testaram antes numa lata de ervilha ou num filhote de cachorro. Foram logo em Anna Bertha. Esse não é o nome da mão, mas o nome da esposa de Wilhelm Conrad Röntgen, o físico alemão que não só descobriu a existência como criou um aparelho que gera os tais raios (que vieram a ser conhecidos por Raios de Roentgen, mas ele gostou mais do nome temporário que ele próprio deu enquanto tomava as primeiras notas e não sabia ainda do que se tratava) e, por isso, recebeu o PRIMEIRO prêmio Nobel em Física em 1901.
Eu devo a saúde dos meus dentes, o diagnóstico dos meus cálculos e a localização das minhas fraturas a esse sujeito. Vou descobrir onde ele mora e vou mandar uma caixa de chocolates e um cartão de agradecimentos.
Ô cabra invocado. E ainda era bonitão, com essa barba e tudo…
Eu recomendaria ler uma biografia dele, se não fosse tão inacreditavelmente chata e eu quisesse acabar de matar meus leitores de tédio. Mas Röntgen é (foi) o cara de todo jeito.
Depois de amanhã tem o aniversário de 19 anos de outra foto tão legal quanto, mas com mais apelo popular. Espero que eu me lembre…
Ah! Respondendo à minha irmã:
Fechar os olhos ao espirrar é um reflexo, como o próprio espirro.
Eu consigo espirrar de olhos abertos, principalmente quando estou dirigindo ou prestando atenção em algo, mas só consigo fazer isso hoje depois de muito treino.
Tentar abrir os olhos ao espirrar é como tentar parar de tossir (consigo quase) ou de soluçar (consigo).
Existe uma lenda que diz que fechamos os olhos senão eles saem das órbitas, mas existem vários vídeos que provam isso errado (procurem no youtube por “sneeze” e “eyes”).
E, finalmente:
“Claro, eu tentei e muitas pessoas com quem falei também tentaram. Depois de muitas caretas e risadas, a unanimidade: é verdade. Ninguém consegue espirrar de olho aberto!”
Como diz o ditado, “o plural de ‘anedota’ não é ‘dado estatístico'”, ou seja, a experiência coletiva de um grupo pequeno de pessoas não faz de um acontecimento verdade imutável. Cuidado com isso.

Discussão - 5 comentários

  1. RNK disse:

    Pois vou treinar mais e vou conseguir, você vai ver! ihihih. Vão chamar a gente (ainda mais) de “os irmãos estranhos”! Os que espirram de olhos abertos e que têm os polegares que viram a 90º!!!kkk…

  2. muito legal este post, eh a primeira vez que visito seu site.
    Mais a partir de hoje esta nos meus favoritos!

  3. hare baba disse:

    A pergunta é “qual é o segredo da humanidade?”
    Fonte: http://buzz.globo.com/jacarebanguela/
    “SEGREDOS DA HUMANIDADE” 02/06/2009

  4. Igor Santos disse:

    Oba, vamos testar!
    P. Qual o segredo da humanidade?
    R. 42.
    Humm.. não, muito vaga e inespecífica.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM