Coisas que não sei – paradoxo da sinuca

Antes de lançar a pergunta para o meu “Google orgânico” devo notar que “coisas que não sei” é uma das frases mais mal escritas que eu consigo continuar escrevendo, porém não consigo achar uma melhor que mantenha o mesmo sentido e que seja curta o suficiente.
Não adianta ficar obcecado com meus princípios antiambiguidade, porque, como diz um amigo meu: “se o povo diz que é assim, é assim.”
Voltando ao muciço:
Um taco de sinuca é um bicho estranho com uma alta manutenção.
É necessário passar algo na ponta para que ele não escorregue (ou “espirre”) ao bater nas bolas e cobrir seu corpo com algo para que ele deslize melhor na mão.
Sendo que esse “algo” pode ser a mesma coisa: giz.
Pergunta: Por que giz na ponta do taco aumenta o atrito mas o mesmo material quando passado no lado diminui a fricção?

Discussão - 19 comentários

  1. Thiago disse:

    Porque os materiais onde o giz é passado são diferentes: no primeiro é borracha que, alias, tem variação de qualidade de taco pra taco. No segundo, madeira. O que existe no primeiro é aderencia e no segundo polimento.
    Inté…

  2. Douglas Lotufo disse:

    Ueh.. pq esta se tratando de materiais diferente, o giz com o platisco e a bola, tende-se aulmentar o atrito sim, pois o agiz deixa a superficie da ponta do plastico mais rugossa, que com o tempo essa supericie vai ficar lisa. Na mão, o giz tende tampar a rugosidade da pele permanecendo masi seca e lisa..

  3. Marcus V. disse:

    Acredito que seja pelas características da supérfície do taco (de madeira) e do bico (de borracha)e não necessariamente pelas características do giz.

  4. Bruna Abubakir disse:

    Por conta do material utilizado na fabricação de cada parte. O pó do giz não encontra atrito na madeira do taco por ele ser altamente polido e envernizado fazendo com que as pequenas particulas de giz “deslizem” sobre a superfície polida como pequenas bolinhas fazendo o atrito entre a sua mão e o taco diminuirem. No entanto a ponta do taco é feita de madeira não polida e porosa, aderindo o pó de giz e tornando a sua pequena superfície menos “deslizante”.
    um abraço

  5. Igor Santos disse:

    Eita, quase fiz uma pesquisa científica. Levantei mais perguntas do que respostas.
    Acho que vou publicar!
    O bico do taco é de madeira reiêra, borracha ou plástico?
    E a parte do corpo do taco eu já tinha alguma idéia, mas minha maior dúvida continuou sem resposta: o atrito aumenta mesmo na ponta?

  6. “Magnesium carbonate, or ‘chalk’, is used by rock climbers to dry their hands to increase the coefficient of friction, thereby improving the grip of the holds. To date, no scientific research supports this practice; indeed, some evidence suggests that magnesium carbonate could decrease the coefficient of friction. Fifteen participants were asked to apply a force with the tip of their fingers to hold a flattened rock (normal force), while a tangential force pulled the rock away. The coefficient of friction–that is, the ratio between the tangential force (pulling the rock) and the normal force (applied by the participants)–was calculated. Coating (chalk vs no chalk), dampness (water vs no water) and rock (sandstone, granite and slate) were manipulated. The results showed that chalk decreased the coefficient of friction. Sandstone was found to be less slippery than granite and slate. Finally, water had no significant effect on the coefficient of friction. The counter-intuitive effect of chalk appears to be caused by two independent factors. First, magnesium carbonate dries the skin, decreasing its compliance and hence reducing the coefficient of friction. Secondly, magnesium carbonate creates a slippery granular layer. We conclude that, to improve the coefficient of friction in rock climbing, an effort should be made to remove all particles of chalk; alternative methods for drying the fingers are preferable.”
    http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/11411778
    ————
    []s,
    Roberto Takata

  7. Em uma situação temos como materiais friccionados: borracha e plástico; em outra: pele e madeira.
    Passando giz teremos os seguintes pares de materiais friccionados: giz e plástico; giz e pele.
    Como são pares de materiais friccionados distintos em ambas as situações, não haveria nenhum problema em que o coeficiente de atrito aumente em um caso e diminua em outro.
    PORÉM, embora em ambos os casos os produtos utilizados sejam denominados “giz”, *não* têm a mesma natureza. O giz para a ponta do taco é um silicato, o giz para as mãos é talco.
    []s,
    Roberto Takata

  8. Igor Santos disse:

    Mas Takata, talco também é um silicato.
    E eu passo no corpo do taco o mesmo giz que uso na ponta.
    E continuam explicando o que eu já sei: que o mesmo material pode tanto aumentar quanto diminuir o atrito, só não explicam como… =¦¤/

  9. O talco de mão na verdade é carbonato de magnésio.
    Em relação ao atrito, como dito, o atrito é uma propriedade entre *duas* superfícies. O coeficiente de atrito entre A e B pode (e tende a) ser bem distinto do coeficiente de atrito entre A e C. Por exemplo, o atrito entre gelo e o pé é menor do que o atrito entre o gelo e uma cama de faquir virada para baixo.
    O que você está comparando são *pares* diferentes (ou melhor, pares de pares diferentes).
    A/D -> A/C [1]
    B/E -> B/C [2]
    Mas vamos supor o seguinte esquema:
    A/D -> A/C [1′]
    A/E -> A/C [2′]
    Claro que A/C [1′] terá o mesmo atrito que A/C [2′], mas não é isso o que você está comparando. O que você está comparando é a *diferença* do atrito entre A/D e A/C e a *diferença* do atrito entre A/E e A/C. Digamos que: atrito(A/D) > atrito(A/C) e que atrito(A/E)

  10. O talco de mão também pode ser (e creio que seja o mais comum) amido de milho em pó (maisena).
    []s,
    Roberto Takata

  11. jp disse:

    A NAO SEI DE NADA

  12. jp disse:

    A N SEI DE3 NADA

  13. JOAO PAULO disse:

    TU PEIDA

  14. MEIMEI LIN disse:

    TU E DOIDO

  15. felipe disse:

    O atrito da borracha do taco é grosseiro onde faz com que a bola lisa escape antes de receber todo o deslizamento necessário. para o efeito desejado ou se coloca mais força para q a superfície do taco permaneça mais tempo tocando a bola ou se usa o giz para diminuir a aderência causando mais aderência (paradoxo) .
    Saco o equilíbrio causado ?

  16. felipe disse:

    Pense … aderência é igual a contato? posso ter mais aderência a uma superfície ou encostar mais nela sendo mais escorregadio? Cara! descobri o Drift?

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM