Coisas que não sei – respiração boca-a-boca

A primeira coisa que não sei quanto a isso é se devo ou não usar hífens, mas por enquanto isso é irrelevante.
Quando eu era pequeno e assistia a S.O.S. Malibu e (inevitavelmente) presenciava uma ressuscitação cardio-pulmonar, sempre pensava que a razão em soprar para dentro da traquéia de outra pessoa era para fazerem os pulmões pegarem no tranco. A caixa torácica enchia e, como um balão, tinha a tendência a encolher novamente, o que expelia a água.
Uma vez sem nada dentro e secos como sacos vazios, os pulmões voltavam espontaneamente a se encher, desta vez com ar fresco.
Meio vasos comunicantes, meio motor de Belina.
Já abandonei a idéia do pulmão elasto-pendular.
Mas, minha dúvida real é esta: se eu soprar ar dos meus pulmões para os pulmões de outrem, não estaria enchendo estes de gás carbônico?
Qual a porcentagem de CO2 numa exalação? Quão rápida é a troca de gases nos meus alvéolos?
Apesar de ser treinado em primeiros socorros eu nunca precisei me dar ao trabalho de salvar uma vida alheia dessa maneira, então não sei exatamente o quanto isso ajuda, mas sempre acreditei nos benefícios (melhor umas duas costelas quebradas que um coração parado, certo?).
Outra, que sempre foi uma dúvida de procedimento: soprar só com a boca garante aeração suficiente?

Discussão - 9 comentários

  1. João disse:

    Eu acredito que na exalação você libera oxigênio que não foi capturado em seus pulmões. Acho inclusive que tem mais O2 do que CO2.

  2. Igor Santos disse:

    Não me surpreenderia. Nossos pulmões não são as máquinas mais bem calibradas do mundo…

  3. Eu não vou lembrar de cabeça, mas li em algum livro de fisiologia os dados concretos e lembro que a concentração de oxigênio do ar que sai da nossa boca é suficientemente alta para ser respirado por outra pessoa.

  4. Bruna Abubakir disse:

    Igor,
    Já viu alguém com ataque de pânico respirando dentro de um saco de papel? Pois bem, é exatamente por CAUSA do CO2 que respiração boca a boca ( e o saco de papel) funcionam. Nossos pulmões não são lá muito inteligentes mas se sabem de alguma coisa essa coisa é que CO2 faz mal. E portanto quando nosso organismo “percebe” alto teor desse gás, a tendência é estabilizar a respiração e “forçar” os alvéolos a captarem mais O2. Quanto mais regular a respiração, maior o potencial de captação de O2. Apesar do pulmão não expelir agua. Ele precisa a todo custo expelir CO2, pois esse se liga com as hemácias e as tornam impossibilitadas de transportar O2. Por isso em caso de pânico respire seu próprio gás carbônico, seu sistema dirá ” calma, relaxa e respira! Assim você nos mata.”

  5. Igor Santos disse:

    Só consigo lembrar de Lisa Simpson respirando assim por causa de uma concorrente.
    Como eu disse, já não penso mais nos pulmões como foles. A água sai pela ação da gravidade quando a pessoa está desacordada e por tossidas assustadoras quando acorda.

  6. Tem que ver as pressões parciais.
    No sangue venoso, pCO2 = 51 mmHg = 0,07 atm; pO2 = 40 mmHg = 0,05 atm.
    A composição normal do ar atmosférico (a 1 atm) é: %O2 = 21% (pO2 = 0,21 atm); %CO2 = 0,03% (pCO2 = 0,0003 atm).
    Composição do ar exalado (a 1 atm): %O2 = 16% (pO2 = 0,16 atm); %CO2 = 5% (pCO2 = 0,05 atm).
    Assim:
    pO2 (ar exalado) > pO2 (sangue venoso) – logo o O2 se difunde *para* o sangue;
    pCO2 (ar exalado)

  7. Ronaldo disse:

    Eu já ouvi não sei aonde que é expelido O2 suficiente para uma pessoa respirar. Além do mais, quando o caba vai dar uma soprada, puxa muito ar e solta logo. Creio que mais ar puxado e menos tempo de residência no pulmão faz com que a proporção de O2 seja ainda maior do que durante a respiração normal.

  8. arthur disse:

    Caro Igor,
    O fato da respiração boca-a-boca resolver o problema de um indivíduo desacordado é que o CO2 é o principal composto ativador da respiração a nível central (Centro Respiratório). O O2 não tem a capacidade de ativar o centro respiratório. Primairmanente os neurônios do centro respiratório são altamente sensíveis a doses elavadas de íons hidrogênio, sendo estes o fator primário para ativação da respiração. Contudo os íons hidrogênio não conseguem ultrapassar a barreira hematoencefálica, assim a única forma de aumentar a concentração de hidrogênio no centro respratório é com a passagem de CO2. Esse gás por sua vez ao reagir com a H2O forma íon hidrogênio no centor respiratório gerando assim uma hiperventilação.

  9. Francisco Naysson de Sousa Santos disse:

    eu queria saber o que acontece no ato da respiração boca a boca? se o correto é enpurrar o ar ou sugar o ar?

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM