Rapidinha: viés de percepção

Anos atrás eu passei uma temporada visitando uma amiga em Brasília numa época do ano especialmente seca.
Apesar do frio (média diária de 15°C), eu notei que minhas roupas molhadas secavam muito mais rapidamente do que eu esperaria que acontecesse em Natal e atribuí isso à baixa umidade relativa do ar.
Anos mais tarde uma amiga passou uma temporada me visitando em Natal, numa época do ano especialmente úmida.
Apesar do calor (média diária de 31ºC), ela notou que suas roupas molhadas secavam muito mais rapidamente do que ela esperaria que acontecesse em Brasília e atribuiu isso à alta temperatura do ar.
Estávamos ambos corretos nas nossas suposições (mesmo diante do fato de que um fenômeno não pode ser mais rápido de que outro semelhante enquanto este outro ocorre mais rapidamente que o primeiro, simultaneamente) ou simplesmente tivemos nossa percepção alterada pelo ambiente enquanto a taxa de secagem de roupas jamais se alterou?

Discussão - 2 comentários

  1. Os dois fatores: temperatura e umidade – são importantes para a taxa de secagem de um objeto. Há outros fatores como a aeração (vento) e a área de exposição (superfície de troca).
    A uma dada temperatura, as moléculas de água apresentam uma certa distribuição de energia cinética. A temperatura reflete a média dessas energias, mas haverá sempre moléculas mais rápidas e outras mais lentas. As mais rápidas tendem a escapar pela superfície, vencendo a tensão superficial. A partir dali, difundem-se pelo meio.
    Na superfície de troca – entre as fases aquosa e gasosa – na fase gasosa, haverá uma certa concentração de moléculas de vapor d’água. Parte das moléculas chocam-se com a superfície líquida e voltam para a fase gasosa, parte das moléculas da fase líquida, escapa para a fase gasosa. Em um recipiente fechado, a uma dada temperatura e pressão, essa troca atinge um equilíbrio.
    Se a fase gasosa com seu vapor d’água é removida e substituída por gás seco (sem umidade), novamente, parte da água escapa para a fase gasosa, até atingir um novo equilíbrio.
    Quando venta, o ar saturado de água perto da roupa é renovado, isso acelera o processo de secagem.
    O aumento da temperatura, faz com que haja mais moléculas de água a velocidades altas, escapando mais rapidamente para fase gasosa. Isso também acelera o processo de secagem.
    Então ambos podem estar corretos e até ambos podem estar errados nas respectivas observações quanto à velocidade de secagem – há vários fatores atuando ao mesmo tempo.
    []s,
    Roberto Takata

  2. Wario disse:

    Ambos estavam de férias. O tempo passa mais rápido quando a gente está se divertindo.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM