Vou para o espaço, depois de decifrar meu DNA

Uau, parece coisa de ficção científica. A ciência e a tecnologia estão proporcionando experiências incríveis. Tenho me animado. Veja o que logo irei fazer:

  • Turismo espacial. Este é um sonho de criança! Imagine só ver a Terra do alto… Deve ser lindo. “Ela é azul”. Vou contatar as empresas Rocketplane Global e Virgin Galactic. Desenbolsando US$ 200 mil, mais ou menos, acho que dá. Para me hospedar fora do nosso mundinho, vou conversar com a Bigelow Aerospace e ver qual quarto do hotel possui a vista mais interessante. Será que escolho com janelinha para a Lua ou à Terra?
  • Analisar os meus genes. Sou apegada à família e aos antepassados. Também, quero saber a quais doenças sou propensa e entender mais a minha personalidade. Vou ligar agora mesmo para as empresas deCODEme e 32andME. Fiquei sabendo que o serviço custa mil dólares.
  • Usar laser contra os pêlos. Afinal, por que tê-los? Como os dois itens acima estão mais distantes da minha realidade – leia-se dinheiro – falarei com a dermatologista. Para marcar já uma depilação. Dessa maneira, aproveito para comemorar o “Dia da Invenção do Primeiro Laser” – hoje – usando a ciência e a tecnologia a meu favor!

5 comentários em “Vou para o espaço, depois de decifrar meu DNA”

  1. eu quero tudo, quer dizer, deixo a viagem pra lua pra outra pessoa… tenho a leve impressão de que essa história de gravidade zero deve dar um mega enjôo!!!!
    bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *