A Amazônia é nossa!

Pareceu um déjà vu. Desde criança ouço discussões sobre a quem pertence a Amazônia. Hoje, os sites brasileiros acordaram com matérias sobre um tal e-mail (clique aqui para ler) do tal livro “An Introduction to Geography”, de David Norman. Essa correio eletrônico circula há anos. Veja o que o governo brasileiro falou em 2001: “A Corregedora-Geral da União, Ministra Anadyr de Mendonça Rodrigues, enviou cartas, hoje (06/12), a 26 pessoas que manifestaram protestos pela publicação, nos Estados Unidos, de um livro escolar de geografia, que teria o mapa da América do Sul no qual a Amazônia aparecia destacada das fronteiras do território brasileiro, com a indicação de trata-se de reserva ambiental internacional.”
Procurei na Amazon o livro. Achei um que se chama “Territory: A Short Introduction (Short Introductions to Geography)”, do David Delaney, e o “Introduction to Geography” do Arthur Getis, Judith Getis, Victoria Getis e Jerome D. Fellmann. O livro pode ser uma lenda, mas um americano me disse que é verdade. Nos Estados Unidos a população acha que a Amazônia é do mundo. Como o mundo é deles… Logo, a Amazônia pertence aos Estados Unidos. Segundo o mesmo americano, o povo do seu país não conhece o mapa mundial. “Então, vamos ignorar”, concluiu.
Este ano, uma matéria publicada no The New York Times repercutiu internacionalmente. Intitulada “Whose Rain Forest Is This, Anyway?”, ela dizia que o aumento do desmatamento da Amazônia é uma preocupação mundial. Concluindo, outros países poderiam intervir. O jornal português “IOLDiário” foi dos veículos a afirmar que a matéria causou preocupação no Brasil.
No Dia internacional do Meio Ambiente, repito. Uma parte da Amazônia é brasileira. A outra pertence aos demais países: Peru, Bolívia, Equador, Venezuela, Colômbia, Suriname, Guiana e Guiana Francesa. Portanto, não se trata de uma zona internacional, dos Estados Unidos, de ONGs, dos índios, de fazendeiros, etc.
Obs.: Imagem publicada no site Quatrocantos. Para ler os textos citados, clique nos links.

2 comentários em “A Amazônia é nossa!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *