O verde vai dominar o rádio

Esses dias, eu estava contribuindo para o aquecimento global, engarrafada no trânsito de São Paulo. Sozinha no meu carro – não tinha como dar carona ou usar nosso escasso/ péssimo/ desorganizado transporte público (falando nisso, viram o resultado do laudo do IPT sobre o desabamento da estação Pinheiros da linha quatro do Metrô? Clique aqui para ler).
Mi filosofia es: mi coche, mi casa. Levo tudo nele. Havaianas, maquilagem, guarda-chuva, perfuminho, livro, revistas e, claro, meu rádio com controle remoto. Assim, o trânsito me fez uma boa ouvinte de rádio. Sou viciada em notícias, notícias, notícias. Nesse fatídico dia, eis que resolvi tirar um pouco do noticiário. O calor da poluição do trânsito somado às buzinas e vozes aveludadas dos companheiros locutores me irritou.
É comum as rádios criarem quiz de perguntas sobre música. Os ouvintes que acertam a maioria delas ganham prêmios. Não é que o verde agora invadiu as ondas eletromagnéticas? A rádio Metropolitana FM mudou de ares. Lançou o “Desafio Impacto Ambiental”.
Os interessados respondem, ao vivo, perguntas sobre meio ambiente e ecologia. A cada acerto ganham cinco anos de oxigênio – algo do tipo. Mas, até esse dia, apenas uma pessoa conseguiu acertar seis perguntas. De mais ou menos dez. As questões são assim: “Em que ano ocorreu a ECO-92?” Conclusões óbvias: as empresas estão percebendo que o verde pode trazer saborosos frutos e as pessoas precisam estudar mais ou controlar a ansiedade.

2 comentários em “O verde vai dominar o rádio”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.