Jornal da Tarde é censurado pelo Cremesp

“Liminar concedida ontem pelo juiz-substituto Ricardo Geraldo Rezende Silveira, da 10ª Vara Federal Cível de São Paulo, proibiu a publicação de reportagem sobre supostas irregularidades cometidas pelo Conselho Regional de Medicina de São Paulo (Cremesp) – que estão sendo apuradas pelo Tribunal de Contas da União (TCU). A liminar foi entregue ontem às 20h na redação do JT por Cláudia Costa, advogada do Cremesp. Sua autenticidade foi confirmada pela Assessoria de Imprensa do Tribunal de Justiça. O juiz não foi encontrado para comentar a decisão.”
Quais são as supostas irregularidades? “As irregularidades são investigadas pelo Tribunal de Contas da União e seriam relatadas em reportagem na edição desta quarta-feira do jornal.”
O que o meu meio – jornalístico – acha? “’A decisão é absolutamente inconstitucional, pois a Constituição, no artigo 220, proíbe a censura e, especialmente, a censura prévia’, diz o presidente da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), Maurício Azêdo”.
Eu lamento que isso esteja acontecendo, mas não vou falar muito sobre o tema. Preciso ler mais para concluir. Com base em outros fatos, apenas lembro que a “liberdade de imprensa” é como a nossa “democracia”, só existe para quem tem dinheiro. Genten, mas não se preocupe. Continuaremos comemorando os 40 anos do ano de 1968. “O ano que nunca acabou”. Trechos retirados daqui e dali.
Quanto à ciência, continuo compartilhando-a neste blog.

Um comentário em “Jornal da Tarde é censurado pelo Cremesp”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *