Hora, atomicamente, certa!

Cada relógio da sua casa está marcando um horário diferente? E o da rua? O cantado pelo locutor do rádio também? Calma! Não precisa entrar em desespero. Nem ligar ao 130, pagando um extra, para saber a hora certa… O Observatório Nacional (ON) tem a solução!
Clique neste link para saber a hora – analógica, digital ou falada – “londrinamente” correta. Ou melhor, atomicamente. Existem relógios de césio, maser hidrogênio e rubídio. O primeiro está instalado dentro de uma cabine blindada no ON – afinal, vai que algum doido invada o local e altere a hora! Esse relógio – veja foto – manda para váaarios laboratórios de pesquisa do Brasil a dita cuja hora certa.
Você pode se perguntar, mas o ON só serve para fornecer a hora exatamente correta? Não. Ele foi criado para “realizar pesquisa e desenvolvimento em Astronomia, Geofísica e Metrologia em Tempo e Freqüência, formar pesquisadores em seus cursos de pós-graduação, capacitar profissionais, coordenar projetos e atividades nacionais nestas áreas e gerar, manter e disseminar a Hora Legal Brasileira”. Viu?
Clique aqui e saiba mais sobre a história dos relógios. Ah, a propósito, toda vez que estou no carro e o locutor do rádio, de qualquer estação que seja, fala a hora… Eu mudo de canal! Rapidamente, a tempo de não ouvir. Já até decorei esses momentos sofríveis. Detesto a tal da “hora certa”, mas adoro um reloginho de pulso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.