(In)Utilidades: teste neurológico e relógio mundial

Recebi dois e-mails curiosos. O primeiro se diz um teste neurológico. Faça você mesmo.
Encontre o C, um bom exercí­cio para os olhos:
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOCOOOOOOOOOOOOOOO
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
Já encontrou o C? Então, veja o 6:
9999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999
9999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999
9999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999
9999699999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999
9999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999
9999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999
Agora ache o N – para mim, o segundo mais fácil após o anterior:
MMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMNMMMM
MMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM
MMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM
MMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM
MMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM
Ele veio acompanhado da recomendação: “Esta não é uma brincadeira. Se passou nos testes, cancele a visita anual – hein? não vou todo ano – ao neurologista. Você está beleza e bem distante do temido Alzheimer (sic)”. Algum médico aí me dá um help sobre a veracidade? Sei não… Mas vale a diversão.
Um link bem bacana – este sim parece ser mais científico – é de um relógio mundial. Além de marcar a hora exata, mostra, por segundo, o número de nascimentos, da população mundial, de mortes, abortos, pontos de acesso à internet, desmatamento, carros e bicicletas produzidos, por aí vai… Veja aqui. Dá para ver os cálculos semanais, do dia, mês, ano e agora! Valendo!
Obs.: Sobre as blogueiras mais gatas, uma boa discussão no blog Sem Ciência, de Osame Kinouchi. Eu temia aquele idoso preconceito. “Mulheres bonitas/ arrumadas/ vaidosas são burras”. Como podem ser cientistas/ gostar/ entender sobre o tema? Vou lançar uma campanha!

6 comentários em “(In)Utilidades: teste neurológico e relógio mundial”

  1. (Deu trabalho, mas achei…) Vou repetir o que disse no Blog do Osame. Homens inteligentes também se interessam por mulheres bonitas. Só que as mulheres bonitas podem ser “mais seletivas” e, as bonitas e inteligentes, vão se interessar por homens inteligentes… e bonitos… (que são igualmente raros…)
    Infelizmente, a atração sexual (pelo menos, para o macho da espécie) não tem nada a ver com “inteligência”.E – convenhamos – um QI razoável não é freqüente nem entre os feios, nem entre os bonitos, ou seja, é muito mais provável você encontrar uma pessoa bonita e burra, do que uma bonita e inteligente.
    O resto, corre por conta do “machismo” da sociedade (e, aí, eu não livro a cara das próprias mulheres: em uma sociedade “machista”, os valores que são incutidos nas cabeças das crianças, vêm, principalmente, de suas mães)

  2. Olá Isis!
    O desafio foi relativamente fácil (acho que não precisarei visitar o neurologista no próximo período… hehehe).
    Gostei bastante deste post… Algumas vezes as (in)utilidades são importantes pra botar o stress pra passear… 😉
    Beijo e um bom dia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *