Ciber-desmatamento é a novidade de madeireiras e hackers

Esta notícia recebi via Greenpeace. O Ministério Público do Pará divulgou hoje detalhes de como hackers contratados por 107 madeireiras e carvoarias invadiram o sistema de controle de transporte de madeira que se chamava Documento de Origem Florestal (DOF). Eles são acusados de falsificarem os registros on-line para aumentar a quantidade permitida para comercialização. Atenção: o estado do Pará abriga quadrilhas de hackers, especializadas em fraudar o sistema bancário.
Cerca de 1,7 milhão de metros cúbicos de madeira ilegal – suficiente para encher 680 piscinas olímpicas – foram hackeadas. As multas aplicadas pelo Ministério Público superam os R$ 2 bilhões. “Ao invadir o sistema, essas empresas transformam seus carregamentos ilegais em madeira legal, como se viesse de planos de manejo florestal”, explica André Muggiati, do Greenpeace. “Os sistemas adotados pelos estados e pelo governo federal não são seguros. Além disso, a quantidade de auditores não é suficiente para monitorar e evitar fraudes”, completa.
Para piorar… “Aproximadamente metade das empresas envolvidas no escândalo têm outras acusações pendentes por crimes ambientais ou uso de trabalho escravo“, diz o promotor Daniel Avelino. A polícia começou a investigar hackers suspeitos em abril de 2007. No total, 202 pessoas são acusadas. Eles serão obrigados a reflorestar as áreas desmatadas, calculadas em 364 quilômetros quadrados – quero só ver.
Aliás, sempre se fala madeireiras, madeireiras, mas ninguém dá o nome aos bois. Pois aí vai. A madeireira Eidai – multinacional japonesa – foi denunciada várias vezes pelo Greenpeace por compra e comercialização de madeira ilegal. Ela tem uma das maiores multas aplicadas pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) por ações ilegais. No site, diz que é contra o aquecimento global e que se preocupa com o meio ambiente. Quer ver? Clique aqui – o site está em japonês, mas dá para ter uma idéia.
Triste. Mas a tecnologia – e a ciência – pode ser usada tanto para o bem, quanto para o mal. Essa é a dicotomia da vida.

3 comentários em “Ciber-desmatamento é a novidade de madeireiras e hackers”

  1. A questão do desmatamento a muito deixou de ser um pequeno problema, estes madeireiros fazem do governo e de todos os brasileiros palhaços, vejam o que falaram hoje a respeito do Chico Mendes ‘Quem matou Chico Mendes foi ele mesmo’
    Vi a poucos dias um documentário chamado “Mataram Doroth” vale a pena procurar para ver como foi o julgamento dos mandantes do crime, que atualmente esperam por julgamento morando no Rj e em SP, vivendo muito bem por sinal.
    http://g1.globo.com/Noticias/Brasil/0,,MUL922543-5598,00-QUEM+MATOU+CHICO+MENDES+FOI+ELE+MESMO+DIZ+DARLY.html
    http://www.forumplp.org.br/index.php?option=com_content&view=article&id=897:em-cartaz-na-mostra-de-sp-mataram-a-irma-dorothy-e-convite-a-indignacao&catid=54:novos-direitos&Itemid=172

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *