Campus Party está na maior reserva de Mata Atlântica

dsc05736
Essa é a entrada do Centro de Exposições Imigrantes. Notou algo diferente? A placa gigantesca avisa aos visitantes: Parque Estadual das Fontes do Ipiranga. Basta abaixar a tela do laptop, respirar fundo e observar em volta. O local que abriga a Campus Party está inserido – faz parte – da maior reserva de Mata Atlântica da capital de concreto de São Paulo.
Por isso que os campuseiros estão reclamando do frio. A cidade de São Paulo possui diversos microclimas – como diz a palavra, climas que variam de acordo com a região. Obviamente, o lugar mais quente na capital é o centro antigo devido, entre outras coisas, à: verticalização dos edifícios, vedação do solo e falta de arborização. O lugar mais frio da cidade é área da Represa de Guarapiranga. A diferença de temperatura entre as duas regiões, ao mesmo tempo, pode chegar a 10ºC.
O segundo lugar mais frio de São Paulo é… Adivinhe… O Parque Estadual das Fontes do Ipiranga – clique no mapa que fiz ao lado. A temperatura pode ser até 8ºC mais congelante do que a da Sé. O ar é mais úmido. O cheiro de terra molhada é constante. O barulho dos pássaros, comum.
Aliás, tem mais. Exatamente ao lado do Centro de Exposição está inserida a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. A instituição é responsável por cuidar – realizar pesquisas, trabalhos científicos, sugestões ambientais – do meio ambiente do estado mais rico do Brasil. Principalmente os cientistas responsáveis pelo solo e água possuem suas mesas de trabalho instaladas no local.ecopefi
Não custa nada escolher uma hora durante o dia. Colocar um tênis. Fechar o computador. Deixar a Campus Party, o estacionamento carésimo – 20 reais para carros!, aliás isso é monopólio – o Centro de Exposições Imigrantes e caminhar sentido à saída. O conhecimento e o meio ambiente se concentram no bairro. A USP, o Botânico, o Zoológico literalmente estão a poucos passos – veja este post que fiz com todas as atrações do lugar.
Observações: Agora é oficial. Sou participante da Rede Ecoblogs. Trata-se de um blog que reúne posts sobre meio ambiente de blogueiros diferentes. Vale a pena conferir. Hoje, participei de dois debates na nova televisão de internet chamada IPTV Cultura, pelo SESC SP. Uma discussão ao vivo sobre blogs de ciência e outra sobre como fazer com que os aparelhos tecnológicos – celulares, computadores, pilhas… – não poluam o meio ambiente. Uma sacada. Quero agradecer o Átila Lamarino do Lablogatórios que estava lá ao lado do Rafael Soares, Claudia Chow e Maira Begalli – organizadora da Campus Party Verde. Os vídeos estarão no ar aqui e veja fotos ali.

3 comentários em “Campus Party está na maior reserva de Mata Atlântica”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *