Qual o gosto do sorvete de astronauta?

DSC00441.JPGAtenção. Já contei que eu comi sorvete de astronauta, de verdade? Sim, comi porque ele é consistente – só derrete quando está na boca.
Tudo começou com esse post aqui. Daí, uma pessoa muito linda me fez a surpresa. Foi para os “Esteites” e trouxe o pacotinho. Fiquei tão emocionada, mas tão emocionada, que demorei dias para criar coragem de devorá-lo.
Imagine só, eu, simples mortal, me alimentando com o que os astronautas comem lá no espaço? Me senti com um pé na Estação Espacial Internacional. Aliás, a emoção foi tanta que acabei tendo problema na hora de passar as fotos do sorvete em si para o computador. Perdi todas. Essa ao lado é do pacotinho aberto – que guardei, claro.
Agora, eis a questão, qual o gosto do tal sorvete de astronauta? (Suspense) Antes de comer, me disseram que tinha sabor de sorvete de verdade, mas sem ser cremoso. Depois que comi, me disseram que era ruim. Será?
Olhe, gostoso, assim, como um belo sorvete italiano, não é mesmo. Ruim, também não. Ele parece uma bolacha, bem gordurosa quando colocamos na boca e estremamente seca. Ele esfarela bastante depois de mordido ou cortado – dividi o pão com todos em casa, para ninguém ter lombriga de curiosidade.
De acordo com meu irmão, que é engenheiro químico, é importante tirar a água do alimento para ele durar mais. Porém, apesar da secura, rapidamente, o tal do sorvete derrete apenas na boca.
E as calorias? São muitas: 210. Afe, deve ser para dar energia máxima para os astronautas. Coisa que eu preciso mais gastar do que ganhar.
Enfim, de qualquer modo, indico a experiência. Que prove o tal sorvete. Afinal, é uma maneira de sentir próximo o gosto do grande sonho: observar a Terra do espaço. Dizem que é azul…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *