Isolamento social: o que fazer em casa?

Dicas de aulas, cursos e outras atividades para o isolamento social

Tempo de leitura: 3 min

Desde a chegada do Covid-19 no Brasil em 23 de Janeiro de 2020, o País vem adotando várias restrições para evitar a disseminação da doença. O maior problema da pandemia do novo coronavírus é a rapidez com a que ele se espalha, e isto nos coloca em uma situação incomum, a do isolamento social.

Distanciamento x Isolamento x Quarentena

O distanciamento social é recomendado a todos durante a pandemia. Neste caso ainda é possível sair de casa, desde que se evite aglomerações e mantenha uma distância de no mínimo um metro e meio entre as pessoas. O isolamento social é essencial para o combate à pandemia, em que o contato entre pessoas é restrito àquelas que moram em uma mesma casa, e o isolamento pessoal é indicado aos casos suspeitos. Já a quarentena é obrigatória para os casos confirmados de Covid-19 e deve durar 14 dias, exigindo maior cuidado de higiene para conter a disseminação da doença.

Mas, além do trabalho remoto e das aulas não presenciais (ensino à distância), o que podemos fazer para evitar o tédio durante o isolamento social? 

Fonte da imagem: pixabay.com

Ampliando o conhecimento

O período dentro de casa pode contribuir para o crescimento de cada um, mas ninguém deve se sentir pressionado a fazer inúmeras atividades. A estratégia é identificar um objetivo e pensar sobre ele. O simples ato de pensar sobre o que se quer alcançar e como isso será alcançado já é uma atividade, por isso a reflexão é uma sugestão para os momentos como esses de quarentena.

Para aqueles que preferem um caminho traçado, uma maneira de se manter ocupado é a inscrição nos cursos online que várias plataformas estão disponibilizando gratuitamente. A começar pelas três maiores universidades paulistas. Para quem é mais interessado em difusão científica, a USP tem uma aula específica de Tópicos de Pesquisa nas Ciências Contemporâneas. Para quem tem que tomar a decisão sobre qual carreira seguir, assistir às aulas pode ser uma ótima opção para conhecer melhor os cursos e ver com qual se identifica. 

Caso você queira investir em um curso técnico ou de especialização, há também diversas opções! A Cursos de Formação oferece cursos com certificados e muitas instituições, com por exemplo a Rock University têm disponibilizado cursos gratuitos em decorrência do cenário atual, e também Instituições como a Fundação Bradesco, Fundação Getúlio Vargas, Insper, SEBRAE, Senai, Unicamp, Unesp, Harvard, MIT, além de sites já conhecidos como edX e Coursera1.

Se você irá prestar algum vestibular em breve, a melhor indicação seria certamente a revisão do conteúdo de ensino médio. Existem muitos cursos online das principais matérias (Matemática, Física, Química, Geografia, História, Português), como aqueles divulgados na plataforma LearnCafe, Stoodi ou por vídeo aulas disponibilizadas principalmente no YouTube.

Os alunos que estão estudando para o vestibular também possuem uma ótima oportunidade de se dedicar aos estudos, por exemplo, mediante o treinamento por simulados disponibilizados gratuitamente pelos cursinhos2-4. Fazer questões é a chave nos exames competitivos e é possível apenas separar uma meta: 20 questões por dia durante a semana, 10 no período da manhã e 10 no período da tarde, cada bloco de uma matéria diferente. Quando chegar o final de semana, já haverá uma primeira fase inteira do vestibular feita e treinada.

E, ainda, para os mais práticos, uma opção é se candidatar para um trabalho voluntário. A ONU, por exemplo, diariamente, abre inscrição para voluntários remotos, em diversas áreas. Além de trabalhar para uma organização internacional, a maioria dessas atividades voluntárias é para empresas que desenvolvem um projeto social e para governos de outros países, promovendo uma conexão global que com certeza trará destaque ao currículo.

Atividades divertidas

Outra atividade muito interessante é visitar os maiores museus do mundo. Vários museus disponibilizaram a exploração virtual por meio de tour online5-7. Aqui no Brasil, por exemplo, o Museu Casa de Portinari permite a exploração de cada exposição e das obras de arte nele contidas, além de apresentar o processo de criação do artista Cândido Portinari, que retratou e expôs ao mundo a sociedade brasileira, com inspiração nos movimentos do cubismo e do surrealismo.

O museu de ciências da UNICAMP também está oferecendo lives e oficinas online no seu Instagram @mcunicamp. Um exemplo interessante é o vídeo de como construir um microscópio em casa. Assistam e tentem fazer!

Além disso, a Faber-castell disponibilizou cursos de desenhos gratuitos. Vale a pena conferir!

Que tal aprender um novo idioma?

O Duolingo é um aplicativo muito divertido, que oferece cursos de vários idiomas e tem uma versão gratuita. Outra opção é seguir contas no Instagram que oferecem algum tipo de conteúdo gratuito para línguas, como @voalearningenglish, @carinafragozo, @rhavicarneiro, @luisaensinaespanhol. No youtube também existem diversos canais com aulas gratuitas, como a @rachelenglish. 

Atividades físicas em casa

Outra forma de passar o tempo em casa é fazendo exercícios físicos, que além de manterem a saúde do corpo, também ajudam com a saúde mental nesses tempos de afastamento social. Várias contas no Instagram apresentam diversos tipos de exercícios que podem ser feitos em casa, como yoga @angelicabanhara, meditação @zenappbrasil e pilates @vivi.pilates, ajudando o nosso corpo e mente a ficarem ativos.

Ainda no tema de saúde mental, o aplicativo Vitalk tem uma versão gratuita que nos ajuda na detecção de problemas de depressão e ansiedade. 

Esperamos que tenham gostado das nossas dicas e coloquem nos comentários o que vocês têm feito para passar o tempo dentro de casa.

Referências

1https://viacarreira.com/sites-que-oferecem-cursos-online-gratuitos/

2https://www5.usp.br/ensino/cursos-on-line/

3https://www.estrategiavestibulares.com.br/cursos/gratis/ 

4https://www.qconcursos.com/questoes-de-vestibular/questoes

5https://g1.globo.com/pop-arte/noticia/2020/03/17/coronavirus-como-visitar-museus-sem-sair-de-casa-durante-o-periodo-de-isolamento.ghtml

6https://www.museucasadeportinari.org.br/TOUR-VIRTUAL/

7https://www.infoescola.com/biografias/candido-portinari/

Autoras: Gabriela Filipini Ferreira, Luisa Fernanda Ríos Pinto, Carolina Filipini Ferreira, Regiane Alves de Oliveira, Paula Penedo P. de Carvalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *