Os robôs e os engenheiros químicos (V.3, N.7, 2017)

Olá querido leitor, tudo bem com vocês? A ideia desse texto veio de uma recente notícia do site ChemistryWorld sobre um estudo do grupo do Prof. Lee Cronin da Universidade de Glasgow em que foi apresentado um químico robótico que é mais eficiente do que os seus colegas de trabalho humanos, pelo menos quando se trata de descobrir e cristalizar moléculas gigantes de automontagem. Mas calma! Por enquanto, esses cientistas sintéticos não estão prestes a substituir os químicos. A intenção é que eles ajudem os humanos a enfrentar seus próprios pontos cegos e tendências quando se trata de pesquisa.

Você pode gostar...

Skip to content