Cultura do Amendoim: o São João vem do campo

Amendoim in natura

Caro leitor, espero que esteja gostando do nosso Arraiá da Ciência! No primeiro texto falamos sobre o milho, seus diferentes tipos, a importância do melhoramento e como é muito usado nas festividades juninas.

Hoje você vai aprender sobre a cultura do amendoim, que é tão presente nas Festas Juninas quanto o milho.

O Amendoim

Você sabia que ele é mundialmente conhecido como fonte de proteína e óleo de origem vegetal? Pois é, seu sabor muito agradável é apreciado em todo o mundo, sendo consumido de diversas formas, em todos os continentes. 

A boa aceitação pelos diferentes povos deve-se ao sabor e aroma, que são especiais, especialmente quando torrado.

amendoins torrados em cima de uma região branca
Amendoim Torrado

Quando o Brasil foi descoberto, os indígenas já cultivavam e consumiam o grão.

Valor nutricional

Os grãos contêm aproximadamente 20 a 25% de proteína, e caracterizam-se por seu alto valor energético. É também rico em:

  • Vitamina B1 (tiamina)
  • Vitamina B2 (riboflavina)
  • Ácido nicotínico (niacina)
  • outras vitaminas do complexo B
  • Vitaminas E

Além disso, o amendoim e seus subprodutos fornecem uma grande proporção de elementos minerais necessários para a dieta humana, e tudo em doses moderadas.

Amendoim in natura

Formas de consumo

O amendoim é consumido das seguintes formas:

  1. grãos “in natura”
  2. torrado
  3. em forma de manteiga
  4. em doces
  5. óleo

A pasta de amendoim (peanut butter) é muito comum nos Estados Unidos, consumida com pão, e muitas vezes com geléia. Já no Brasil, é alto o consumo de paçoca.

Pode com manteiga de amendoim e uma colher cheia de manteiga de amendoim em cima do pote
Peanut Butter

Óleo de Amendoim

O óleo que se obtém das sementes possui elevado poder de digestibilidade e, quando refinado, tem praticamente todas as propriedades necessárias para alimentação. 

É um óleo de gosto agradável, de aroma suave e característico. Conserva-se bem, com menor tendência a ficar rançoso que o azeite de dendê e outros. Em valor nutritivo, equivale às demais gorduras de origem animal ou vegetal, usadas na alimentação. 

Jarra chei de óleo extraído do amendoim. Ao lados tem alguns amendoins in natura
Óleo de Amendoim

Ele é também fonte de ácidos graxos (energia para as células), considerados essenciais para ao homem

No Brasil, o Instituto Agronômico (IAC) desenvolveu cultivares de amendoim alto oléico, que possuem alto teor de óleo. Eles possuem um padrão de ácidos graxos semelhante ao de azeite de oliva.

Cultura do Amendoim no Brasil

A atividade agrícola relacionada ao amendoim está associada à cadeia produtiva de doces e confeitos no país. 

A produção não só atende à demanda de consumo interno como também registra um crescimento adicional, motivado pelas oportunidades de exportação do produto brasileiro, constituindo um mercado cada vez mais exigente quanto à qualidade e atratividade para o consumidor. 

bandeja com alguns pés de moleque em cima, ao fundo tem alguns amendoins e paçocas
Pé de Moleque

A produção para venda comercial concentra-se em algumas regiões do Estado de São Paulo, o maior produtor do país, e em menor proporção em outros estados, compreendendo diversos sistemas e condições de cultivo.

Além disso, o amendoim pode ser considerado paixão nacional quando se trata dos doces. Falou em pé de moleque, imediatamente pensamos em festa junina!

Controle de qualidade

A indústria confeiteira do amendoim junto com a Associação Brasileira de Chocolate, Cacau e Amendoim, Balas e Derivados (Abicab), lançou o Pró Amendoim, um programa destinado ao controle de qualidade do amendoim no país

Outro ponto importante é que a ANVISA e o MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) regulamentam e normatizam as técnicas que devem ser empregadas nos estabelecimentos que processam amendoim.

Festas Juninas

Durante as Festas Juninas o consumo de amendoim no Brasil aumenta 30%! Paçoca e pé de moleque são quitutes da culinária caipira, especialmente mineira e paulista, mas não é só no Sudeste que o grão faz sucesso. 

Mesa cheia de paçocas e pés de moleque
Paçoca e Pé de Moleque

No Nordeste e em outras regiões é comum encontrá-lo como pé de moleque, cozido, e como uma deliciosa cocada de amendoim.

Viva o amendoim! Viva São João!

Sobre o autor

Dr. João Francisco dos Santos

Pesquisador Visitante do Instituto Agronômico de Campinas

Sobre Descascando a ciência 52 Artigos
O objetivo do Descascando é deixar conteúdos sobre o mundo agrícola e a ciência mais fáceis de serem entendidos. Queremos facilitar o "cientifiquês", para que todos tenham acesso à informação.

4 Comentários

    • Muito obrigado Graça! Semana passada fizemos uma Live no nosso canal do Instagram @descascandoaciencia onde o entrevistado comentou que hoje só encontramos o óleo de soja por ser mais barato para as pessoas. O óleo de amendoim ainda é vendido, mas para um público bastante específico. Não deixe de ler e curtir nossas matérias. Um forte abraço!

    • Muito obrigado Valdecir! Nos acompanhe também no nosso Instagram @descascandoaciencia que lá tem mais informações sobre o amendoim em uma Live que fizemos semana passada! Abraços.

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*