Comunicado

Hoje eu recebi um mail de mais uma pessoa da Odebrecht, não vou publicar esse mail por que de verdade não tenho muita certeza do que está se passando.

Parece-me que um site chamado Ambiente Já publicou meu post, ou alguma das informações que eu falava sobre o relato do meu amigo na República Dominicana. Alguma pessoa da Odebrecht não gostou e me mandou um e-mail hoje me chamando de leviana e me dizendo que eu não poderia atacar pessoas, empresas e instituições sem antes checar a veracidade dos dados, e que deveria ter entrado em contato primeiramente com a Odebrecht.

Vamos aos fatos:

1) O que me fez mandar um mail para o editor da Revista Idéia Socioambiental foi que eu estava questionando uma reportagem de uma revista que eu gosto e admiro, por conta disso achei interessante saber a postura do editor da revista sobre o assunto. E acreditei (como de fato ocorreu) que ele entraria em contato com alguém de dentro da empresa que efetivamente poderia fazer alguma coisa e tomar ciência do ocorrido.

2) Eu não ataquei a Odebrecht em momento nenhum, apenas relatei um caso e citei a incoerência do dono da empresa ser citado como líder da sustentabilidade e eu sabendo que fatos completamente insustentáveis estão ocorrendo. Aliás, acho até a empresa muito discreta em relação ao assunto, ela deve saber das falhas que podem existir em seu processo e não se auto-proclama como sustentável. Mais um motivo por eu ter entrado em contato com o editor da revista que chama o dono da empresa de “líder da sustentabilidade” e não com a própria empresa.

3) Checar a veracidade dos dados… Bom, se um amigo que trabalhou no local não é uma coisa verdadeira, não sei mesmo o que pode ser, ele está inventando essa história a troco de que? De poder ser processado e perder o emprego? Se fosse eu nessa obra pode ter certeza que eu seria bem exagerada e acharia tudo um absurdo, desde o regime de trabalho 60×10 para as pessoas que são de outro país, até a qualidade da comida oferecida. Mas quem conta isso é um amigo meu que é completamente sem frescuras, é um verdadeiro geólogo de campo que adora acampar e o convívio com a natureza. Se ele se chocou com as condições de trabalho lá, eu tenho certeza que de fato não são nem um pouco fáceis de levar, eu pessoalmente não teria suportado mais que alguns meses, ele agüentou mais que um ano.

4) Quanto ao site que publicou minhas informações, o que eu acho que foi o que aconteceu, eu digo que não fui sequer consultada sobre o assunto, aliás já deixei um recado aí do lado… Mas, infelizmente contra esse tipo de atitude não há muito o que eu possa fazer.

5) O Marcio Polidoro, contato da Odebrecht pelo Ricardo Voltolini, me enviou um mail hoje, respondendo o mail em que enviei o nome da empresa e da obra, ele diz que vai procurar saber maiores detalhes.

Quem quiser entrar em contato comigo sobre esse ou qualquer outro assunto daqui do blog, deixe um comentário que eu entrarei em contato, não pretendo divulgar meu e-mail aqui por causa de spams e não acho prudente isso, quem realmente quiser falar comigo pode perder alguns minutos deixando um comentário.

2 Comments

  • Morceguito
    3 de março de 2008 - 16:14 | Permalink

    Olá! Como verás no meu perfil tenho 4 blogs!Linkei o teu blog no meu blog principal através duma plaquinha/selo que eu próprio criei pois não tinha nenhuma placa aqui no teu blog.Se quiseres ver a plaquinha podes aceder esse link: http://lh3.google.com/morceguito69/R8xJLELGQjI/AAAAAAAAAL4/fAOy2C6r_2c/s144/ecodesenvolvimento.PNGO blog em causa podes aceder pelo link http://morceguito.pt.vc!

  • Lola
    3 de março de 2008 - 17:55 | Permalink

    Claudia, caramba, mais uma em…Beijos e sorte, moça…

  • Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Skip to content