Em uma palavra [359]

sinégoro (si.né.go.ro) s.m. Hist. Dir. entre os gregos antigos, era o equivalente ao advogado de defesa ou defensor público do réu; eventualmente, também poderia defender o Estado, da mesma maneira que um procurador ou advogado-geral moderno.