Paleogenômica e o retorno dos mamutes

Em 2012, cientistas na Austrália utilizaram fósseis de moa, uma ave não voadora já extinta que vivia na Nova Zelândia, para descobrir quanto tempo o DNA demora para se degradar após a morte do organismo [1]. Os pesquisadores descobriram que a meia-vida da molécula de DNA é de 521 anos,… Continue reading

Palavras ao vento: como a imprensa divulga a ciência.

Como costumo fazer diariamente, durante as minhas manhãs, procuro por sites de notícias para me manter informada. Em meio às abundantes matérias sobre política, economia e previsão do tempo, volta e meia me deparo com notícias como “a cura do câncer está mais próxima”, “descoberta a nova droga – uma… Continue reading