ATRAÇÃO FATAL

Caro leitor, você que vem acompanhando os textos deste blog a algum tempo, já deve ter percebido que as plantas e frutos de laranja são atacados por diversos microrganismos causadores de doenças e, principalmente, por pragas.

As pragas são organismos que reduzem a produção de culturas, seja por se alimentarem, ou por transmitirem doenças, ou ainda, por reduzirem a qualidade dos produtos agrícolas.

Por exemplo, cigarrinhas transmitem a bactéria Xylella fastidiosa causadora do CVC, algumas espécies de ácaros transmitem o vírus da leprose dos citros e o psilídeo dos citros (Diaphorina citri) transmite a bactéria causadora do Huanglongbing. 

Por conta dos prejuízos causados pelas pragas agrícolas, os produtores de laranja buscam estratégias de controle que não se baseiam apenas no uso de agrotóxicos para controlar o aumento da população destas pragas.

Mas quais são estas estratégias de controle de pragas que não utilizam agrotóxicos?

Armadilha de moscas

Vamos pensar no caso de insetos que convivem conosco, por exemplo, moscas e pernilongos… Se você está assistindo algum programa na TV e um desses insetos começa a rodear a sua cabeça… você tenta dar vários tapas nele sem sucesso e então você apaga a luz da sala e deixa a TV ligada. O que você observa logo depois é que os insetos vão diretamente para a luz, ou seja, eles são atraídos pela luminosidade.

Pensando nisso, produtores agrícolas utilizam objetos que são chamados de ARMADILHAS LUMINOSAS que atraem e capturam os insetos que voam e possuem atividade noturna, por exemplo, percevejos, cigarrinhas, moscas e mariposas. Assim, por conta do aprisionamento e morte na armadilha, ocorre a interrupção do ciclo de vida do inseto adulto. E o principal, cada fêmea atraída e morta, representa a eliminação de centenas de ovos, que antes seriam colocados nas plantas.

Atração entre insetos

Outra estratégia bastante importante que tem sido utilizada em todo o mundo são as armadilhas com feromônios.

Feromônios

Os feromônios são compostos químicos produzidos pelos insetos e servem para a comunicação entre eles. É como se o feromônio fosse um tipo de perfume, que atrai outros insetos (da mesma espécie). Logo, os insetos são como VOCÊ que passa um perfuminho para poder chamar a atenção daquele CRUSH, no caso dos insetos, eles têm a vantagem de produzirem naturalmente.

Recentemente, pesquisadores do Estado de São Paulo e da Universidade da Califórnia, identificaram um feromônio produzido por fêmeas do psilídeo dos citros que atraem psilídeos machos. A partir deste resultado, os pesquisadores desenvolveram armadilhas adesivas contendo o feromônio, utilizaram-nas em campo e puderam observar após alguns dias o grande número de psilídeos machos capturados na armadilha.

Tecnologia para controle de pragas

Portanto, a utilização de armadilhas luminosas ou compostas por feromônios são extremamente importantes para o controle de insetos impedindo seu ciclo de vida, assim reduzindo as taxas de doenças em campo.titulo do trabalho

Para mais informações clique na imagem a cima para ir ao artigo científico e na imagem ao lado temos o produto desse trabalho, a armadilha amarela com o ferormônio.

 

 

Escrito por Diogo Manzano Galdeano

Sobre Paulo 11 Articles
Biólogo, mestre em microbiologia, tentando largar o vicio em seriados para poder completar o doutorado em biologia molecular.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*