Escolha uma Página

AB_initio_evolucao_vida_livro_capa.gif

Estamos chegando ao final do chamado “Ano Darwin”, onde comemoramos duas datas muito importantes para a história da ciência. A primeira foi dia 12 de Fevereiro, que marcou os 200 anos de nascimento de Charles Robert Darwin. A segunda foi dia 22 de novembro, onde lembramos os 150 anos de publicação do seu livro mais marcante, que mostrou para o mundo de forma magistral a relevância da evolução por seleção natural. O diferencial do livro escrito por Franklin David Rumjanek, lançado em pleno ano Darwin, está em não se manter no mar das mesmices lançadas neste ano.

Franklin David Rumjanek vai além da abordagem tradicional sobre Evolução, colocando para o público geral a importância de outros personagens na construção deste conceito, principalmente de um dos mais injustiçados de todos, o francês Jean-Baptiste de Lamarck. Apenas a contextualização de Lamarck em um livro direcionado ao público geral sobre ciências já seria uma importante contribuição para a divulgação científica nacional, mas este é o tema da segunda parte do livro. Na primeira parte Franklin David Rumjanek faz um levantamento da literatura recente que vai desde a origem do universo até os limites de complexidade da vida, um tema normalmente árido e vasto. O autor faz uma boa tentativa de tratar de um tema desta natureza utilizando uma linguagem mais fácil, largando um pouco os jargões da área. Mas talvez um dos pontos que poderiam ser criticados seria a falta de ligação entre seus os dois grandes temas. É claro que existe uma conexão intrínseca entre Origem da vida e Evolução (subtítulo deste livro), mas a falta de uma melhor ligação entre os dois temas centrais durante o livro foi marcante. Dois temas de tamanha complexidade poderiam ser melhor explorados se fossem abordados de forma separada, havendo assim mais espaço para o autor poder explorar seus argumentos e deixá-los um pouco menos complexos para o público leigo, ávido por ciência. Como o autor mesmo enfatiza ao longo do texto, este é o público para o qual o livro é direcionado. Em vários momentos Franklin David Rumjanek passa para o público noções de metodologia da ciência, o que faz o leitor entender melhor como o conhecimento científico é formado. Fazer com que uma área tão ligada a bioquímica seja passada para o grande público não é uma tarefa fácil, mas neste livro conseguimos ter uma boa e recente visão sobre os principais avanços científicos sobre a Origem da Vida. Este é, com certeza, um dos grandes diferenciais deste livro.

AB INITIO – Origem da vida e evolução é uma das várias recentes publicações da editora carioca Vieira e Lent direcionada para a divulgação científica. Espero que este caminho continue sendo trilhado pela editora, publicando livros de qualidade em uma área tão importante e carente, principalmente no Brasil.

Este livro foi uma cortesia da Vieira e Lent casa editorial para este blog.
 

Skip to content