Escolha uma Página

Parece que a pressão sofrida pelas editoras de ciência nos últimos tempos começa a surtir efeito. O periódico Nature publicou no início deste mês um suplemento de acesso aberto sobre os assuntos mais populares em biologia intitulado “Lentes sobre a biologia“. Em um texto de introdução do suplemento, os editores Brody e Miko ressaltaram que em um mundo imerso em informação, muitas vezes as novidades do campo da biologia podem se perder. E eles estão certos. Áreas como câncer, biologia sintética e mudanças climáticas precisam ser tratadas de forma especial pela divulgação científica, devido as grandes e constantes mudanças que esses campos sofrem todos os dias.

Livros texto são de extrema importância, mas os periódicos científicos podem e devem arregaçar as mangas e trabalhar para que o conteúdo mais recente das pesquisas possa ser repassado para a população de forma simples, mas sem perder a qualidade. Além de um texto bem completo e didático de especialistas de cada área, a Nature também publicou textos de “perguntas e respostas” sobre cada assunto.

Ainda acho que esta iniciativa é pequena perante o grande passo que temos que dar rumo a ciência realmente democrática, mas não posso deixar de elogiar uma iniciativa de qualidade como essa. Principalmente quando ela é voltada diretamente a divulgação científica e não apenas a disponibilização gratuita de artigos científicos. O que são coisas bem diferentes.

 

Skip to content