Tag Archives: comida

Um festival de comida com lixo mínimo

Acabei de voltar de férias e se teve uma coisa que me chamou muito a atenção nessa viagem foi o Festival de Filmes que estava rolando na praça da prefeitura de Viena. Não pela curadoria do festival, pela qualidade dos filmes ou por causa do local onde acontece. Pra falar a verdade eu nem vi nada do festival em si, o que eu vi foi a praça de alimentação (que é a parte gastronômica) que foi feita em frente ao local do evento.

São vários quiosques de comida e bebida de vários lugares do mundo, desde comida austríaca local, até de outras partes da Europa e do mundo.  E por que esse festival gastronômico chamou a minha atenção já que esse não é um blog de turismo e cultura? Quando eu penso nesse tipo de feira gastronômica ou até qualquer praça de alimentação eu já penso em pratos, copos e talheres descatáveis e uma tonelada de lixo gerado sem nenhum tipo de tratamento ou destino adequado. Só que dessa vez eu fui surpreendida com pratos de porcelana, talheres de inox (ou qualquer outro material que o valha) e copos de vidros, apenas os guardanapos eram de papel.

É possível fazer um festival desse tipo numa cidade turística e grande como Viena sem gerar sacos, sacos e mais sacos de lixo repletos de materiais descartáveis? Sim! É! E o Festival de Filmes de Viena me mostrou isso.

O festival de filmes é o maior festival de cultura e comida da Europa, eles recebem por volta de 750 mil visitantes.

europa2015 419
Clique na foto para ver o prato de porcelana e os copos de vidro! 😉
europa2015 415
Ainda era cedo quando tirei essa foto e não estava tão cheio.
europa2015 421
Uma visão geral do que é o festival de comida. Clique na foto para ver os copos de vidro.
europa2015 424
A louça e os talheres são recolhidos pelos “garçons” e vão para essa estação. Aí eles retiram os restos de comida e enviam a louça para um local onde são lavados.
europa2015 423
O transporte dos copos.
2015-07-26 19.47.59
Meu prato de porcelana e meus talheres de inox! 😀

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Agora eu me pergunto será que esse sistema é tão mais caro do que se vê por ai com os descartáveis? Apesar dos descartáveis não precisarem de limpeza eles também não vão sozinhos para o aterro.

Mas nem tudo é perfeição na cidade… No dia seguinte na estação de trem almocei numa praça de alimentação típica de shoppings em que talheres e pratos eram todos descartáveis e jogados numa mesma lata de lixo… 🙁

Dúvidas de uma preguiçosa tentanto ser mais sustentável

sucos

Lá estava eu outro dia no supermercado tentando escolher um suco de caixinha. Eu sei, escolha nada sustentável, mas o que fazer quando você é uma pessoa sozinha e preguiçosa? Sucos de caixinhas são tão práticos! Bom, então tá, já que ninguém vai parar de beber sucos de caixinha porque não é sustentável, vou tentar escolher uma opção menos pior (se é que existe).

Critérios que eu levei em conta: presença de conservantes (benzoato de sódio e sorbato de potássio), corante, aromatizante, estabilizante, quantidade de suco de fruta (néctar e sucos).

“Sucos de soja” –  todos tem conservantes, numa marca que eu olhei eram o benzoato de sódio e o sorbato de potássio, não tem corante mas tem aromatizante.

Néctar –  Que se chamam assim pois tem apenas de 20-30% da polpa da fruta.

Sucos – Esses são sucos de verdade, mais de 80% da polpa da fruta.

Achei uma marca que dizia que seus sucos não tinham nada além de suco, sem açúcar, sem conservante, sem água. E pensei, será que é verdade? O suco é bem mais caro, quase o dobro do preço dos néctares comuns de supermercado, comprei pra exprimentar e achei bem bom.

Ai outro dia achei um suco de caixinha orgânico, quase o dobro do preço do suco que dizia que era só suco. Só que nesse orgânico tem açúcar, água, estabilizante, aromatizante…

E aí, só por que é orgânico é suficiente? Pode ter açúcar (será que o açúcar usado também é orgânico?), aromatizante, estabilizante? Eu me pergunto se usar uma fruta orgânica num suco desses faz alguma diferença depois que você mistura com um monte de água, açúcar, etc, etc.

Outra coisa que não entendo é como um suco de caixinha dura tanto… Mesmo os que dizem sem conservantes. Faz um suco de fruta em casa de verdade e vê se ele dura o mesmo tempo que os de caixinha. Tirando o suco de uva que a minha mãe fazia cozinhando as uvas, qualquer outro que eu possa me lembrar fica intragável depois de algumas horas. Será que são as caixinhas que fazem esse milagre?

Minha escolha: sempre escolhos sucos e dispenso os néctares, pelo menos tem mais fruta de verdade (eu espero), mas de um tempo para cá vi uma campanha de mães para não oferecer mais para os filhos sucos de caixinha, mas sim água aromatizada. Achei boa a ideia, só preciso me dispor a fazer em casa! E gente, não tem receita, é só jogar umas folhinhas tipo hortelã, cidreira, alecrim, canela, cravo e casca  ou pedaços de fruta (tipo abacaxi, morango, laranja) numa jarra com água e pronto, nao precisa ser todos esses ingredientes, escolha uns 3 e experimente! Acho que usar água com gás também uma boa opção.

Skip to content