Um por todos e todos por um

Quando há uma ameaça séria à sobrevivência dos indivíduos, os animais sociais reagem com cooperação para defender o grupo. Formigas, por exemplo, são capazes de se juntar para formar barquinhos com os próprios corpos e, assim, salvar o máximo de indivíduos possível durante uma inundação. Embora esse comportamento já fosse Leia mais…