Em uma palavra [447]

boiz (bo.iz) s.f. 1. armadilha usada para captura de pássaros. 2. por ext., plano executado com o objetivo de levar alguém a agir de determinada forma; ardil, artimanha, cilada. [de origem desconhecida, também se diz aboiz; o plural é (a)boízes] Boiz ou o composto clique-boiz seria uma boa alternativa em Leia mais…

Em uma palavra [396]

berjaçote (ber.ja.ço.te) s.m., adj. tipo de figo caracterizado pela presença de polpa vermelha. [de Burjasot ou Burjassot, nome de uma cidade de Valência, na Espanha, onde a fruta teria se originado; há quem defenda a grafia burjassote]

Em uma palavra [382]

bergapteno (ber.ga.pte.no) s.m. Bioq. composto químico da família dos psoralenos ou furanocumarinas encontrado na essência da bergamota e outras frutas cítricas; com fórmula molecular C12H8O4, é o responsável pela fototoxidade das essências cítricas. [nome simplificado possivelmente derivado de bergamota; também conhecido como 5-methoxypsoraleno ou 5-methoxy-2H-furo[3,2-g]chromen-2-one]

Em uma palavra [320]

bátega (bá.te.ga) s.f. 1. pancada súbita e intensa de chuva; pé-d’água, toró, aguaceiro: “bátega causa inundação no último dia do carnaval”. 2. antigo vaso de metal, semelhante à bacia, no qual se servia água: “na cozinha em ruínas, uma bátega enferrujada foi o único utensílio que sobrou”. 3. porção de Leia mais…

Em uma palavra [281]

baforriza (ba.for.ri.za) s.f. Bot. planta do gênero Ancusa, de cuja raiz se extrai uma tintura vermelha, notável por se transformar em azul em contato com substâncias alcalinas. [do grego baphé = tinta, tintura + riza = raiz]