Tsc tsc

Alguém assistiu ao Fantástico domingo? Eu não, mas vieram comentar comigo as soluções que apresentaram para ajudar a diminuir o aquecimento global.

Bom, encotrei o texto da reportagem, mas não o vídeo e só li um absurdo após o outro, soluções mirabolantes que dificilmente um dia será realidade. E a reportagem ainda acaba com chave de ouro: “Porque o Planeta precisa ser salvo.”

Tudo, tudo errado… 1) O Planeta não precisa ser salvo, quem precisa ser salva é a humanidade, o planeta vai continuar existindo com ou sem os seres humanos, diga-se de passagem para o Universo, seres humanos são poeira cósmica. 2) Até quando vamos ficar gastando tempo e energia pra combater efeitos e não as causas do problema? Já que a criatividade desses cientistas é tão fértil por que não pensam numa solução para se diminuir as emissões de CO2? A pessoa que veio comentar comigo sobre essa reportagem me fazia exatamente essa pergunta…

O que mais me espanta que essa idéia de combater efeito e não causa é generalizada, vide no mesmo programa reportagem que fala da proibição de uso de capacete por conta dos assaltos por motoqueiros, ou ainda numa outra cidade um governante querendo proibir carona em motos exatamente pelo mesmo problema.

Eu sei e todo mundo sabe que a solução para qualquer um desses problemas não é fácil, aliás se fosse fácil já teríamos resolvido, mas combater efeito só remedia, o problema não resolve de fato.

Quando vamos aceitar o fato e encarar de frente que as causas do aquecimento global começam com a obssessão de crescimento infinito da economia, da populacao e do consumo? Quando vamos entender e aprender a lidar com LIMITES de recursos, de espaço e de crescimento?

3 Comments

  • Allan Robert P. J.
    17 de janeiro de 2008 - 10:39 | Permalink

    Cláudia,O ser humano é um bicho cheio de tola esperança e muita presunção. Ele acredita que mesmo que nada mude, na última hora ele se salva. Conceitos que o cinema crias.A propósito: o Faça a sua parte mudou de endereço. Agora é:http://verbeat.org/blogs/facaasuapartePasse por lá e troque o se selinho.:)

  • Maurício
    18 de janeiro de 2008 - 18:58 | Permalink

    Prezada Cláudia, Fiquei satisfeito com sua visita ao meu blog (planetafala). Obrigado pelas suas referências.Pelas suas idéias expostas sobre o programa de TV, percebi que você tem sua mente focada justamente nas causas, o que não ocorre com a maioria das pessoas e diversos ambientalistas. É justamente esse o ponto de vista que defendo: tem um problema? procure a solução. Como? Parta por identificar as causas. Agora uma pequena observação: quanto um verdadeira ambientalista fala em salvar o planeta, não está dizendo em salvar o corpo celeste. Está se referindo à soma de condições vivenciais do planeta, pois elas são o apoio de TODOS os seres vivos. Esclarecido esse ponto, convido-a a se unir a outros ambientalistas (como eu já fiz, sem abandonar meu blog) na página do Ivo Reis (debatadesvendeedivulgue.com/blog)pois nós ambientalistas isolados somos fracos. Unindo-nos seremos fortes e seremos ouvidos. Um abraço. Maurício Gomide Martins

  • Claudio Costa
    20 de janeiro de 2008 - 10:19 | Permalink

    Bem postas as suas consideraçoes. Você realça bem: é preciso salvar a humanidade, os seres vivos e não o ‘planeta’. Quanto às soluções mirabolantes apresentadas no Fantástico, aquilo é uma reportagem requentada de um artigo na Veja, que fora copiado de outra revista estrangeira: poeira para ofuscar a realidade, pois não fala dos causadores da poluição, das grandes indústrias e do modelo de desenvolvimento incompatível com o bem estar geral. Boa!

  • Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Skip to content