>

Imagem: Super Punch
Era uma vez os Beatles, O Senhor dos Anéis, Stanley Kubrick e uma adaptação para o cinema da obra de J.R.R. Tolkien. Mas o que poderia se tornar o mais interessante mash-up cinematográfico do século XX acabou antes mesmo de começar.

Imagem: Super Punch
Essa história voltou à tona quando blog de arte gringo Super Punch resgatou esse quase-grande-sucesso-do-cinema como base para um concurso onde o desafio é imaginar como seria esse Senhor dos Anéis alternativo. John Struan, autor do Super Punch, explica melhor:

Era uma vez, os Beatles interessados em estrelar uma versão live-action de O Senhor dos Anéis: Paul McCartney como Frodo Baggins, Ringo Starr como Sam Gamgee, George Harrisson como Gandalf e John Lennon como Gollum. Eles pediram que Stanley Kubrick os dirigisse, mas ou ele declinou o convite (segundo a Wikipedia) ou Tolkien matou o projeto (segundo Peter Jackson).

Imagem: Super Punch
Tudo isso (quase) aconteceu em 1969 e foi a segunda tentativa de levar a saga do anel para a telona. Diante dos quatro rapazes de Liverpool, Kubrick teria rejeitado filmar O Senhor dos Anéis por considerá-lo  simplesmente infilmável.
Imagem: Super Punch
No entanto, Tolkien ainda estava vivo e detinha todos os direitos da obra — mas jamais aprovou uma adaptação para o cinema. Disney tentou fazer uma versão animada em 1956, mas Tolkien detestava o mago americano. E, pelo visto, também não curtia os Beatles.
Encontrei essa história alternativa no io9, que descobriu o Super Punch.

PS: se vc criou uma arte baseada nesse mash-up histórico, pode postar nos comentários.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *