Genética dos Contos de Fadas

Ao aplicar o mesmo método usado para analisar genomas, pesquisadores descobrem que os contos de fadas são milenares Dois seres vivos podem ser bem diferentes na aparência e no comportamento e mesmo assim ter um ancestral em comum. É o que pesquisas genéticas têm revelado nas últimas décadas. Ao verificar Leia mais…

Reconstruindo Hans Jonatan

Sem recorrer a qualquer amostra do corpo em questão, pesquisadores da Islândia realizaram um feito inédito: reconstruir mais de 1/3 do DNA de um homem que morreu há quase dois séculos e tem uma história extraordinária. Na literatura policial e nas séries de TV detetivescas, o assassinato perfeito é aquele Leia mais…

Nanotermômetros de DNA

DNA luz

Como medir temperaturas em escalas celulares? Não dá pra encolher um filete com mercúrio até poder colocá-lo numa célula. Mesmo que isso fosse possível, não haveria como enxergar a temperatura marcada (o que já é meio difícil com termômetros comuns). A miniaturização de dispositivos eletrônicos seria uma possibilidade, mas ainda é algo muito complicado nessa escala. Que tal, então, usar moléculas como proteínas e DNA? (mais…)

A vida, o Universo e tudo mais — numa bola de gude

A internet inteira numa bola de gude? É possível.

A internet produz uma quantidade colossal de informação a cada dia — em 2013 eram 5 exabytes por dia, equivalente a tudo que havia sido criado pela humanidade até 2003. Novos experimentos — do LHC às fotos em HD da New Horizons — também recolhem uma montanha de informação em frações de segundos. Antes de processar e analisar todos esses exabytes, é preciso resolver um problema mais básico: onde e como armazenar tudo isso? (mais…)

O Mistério do Homem de Somerton [Parte 2: Dois códigos]

somertonmana

Mr. Somerton

Em Dezembro de 1948, apareceu um homem morto na Praia de Somerton, em Adelaide, Austrália. Como vimos na primeira parte, as investigações iniciais não conseguiram identificá-lo nem determinar sua causa mortis. Pra piorar, a polícia australiana descobriu que sua morte pode estar ligada a um código aparentemente insolúvel. Até agora as tentativas de quebrar tal código não deram em nada. Mas e quanto ao corpo do Homem de Somerton? Seu código genético poderia trazer respostas? (mais…)

As cores, os truques e o (complexo) genoma da “serragem marinha”

Trichodesmium_microscope_400px

Quando começaram a sequenciar genomas no século passado, os cientistas descobriram que nem todas as letrinhas do DNA viram proteína. De fato, em muitos organismos superiores, a maior parte do material genético aparentemente não servia pra nada e acabou sendo chamada de “DNA lixo”. Só recentemente começamos a entender que essa lixeira genética guarda muitas funções importantes — como as instruções para organização embrionária dos animais. Bactérias não têm embriões, mas um gênero de cianobactérias peludinhas que dá cor a diversos mares tem uma boa dose de material não-codificante. (mais…)

A vida, o Universo e tudo mais — na ponta da língua


A expressão “tá na ponta da língua” pode tornar-se bastante literal em um futuro próximo. Graças ao cruzamento de engenharia genética e ciência da computação, será possível armazenar tudo o que você quiser na ponta da sua língua — ou melhor, no DNA da ponta da sua língua. Nos laboratórios, DNA como mídia de armazenamento não é exatamente uma novidade. Mas o recente feito de um bioengenheiro e de um geneticista de Harvard é de cair o queixo. (mais…)