genética

Paleogenômica e o retorno dos mamutes (V.3, N.6, 2017)

Em 2012, cientistas na Austrália utilizaram fósseis de moa, uma ave não voadora já extinta que vivia na Nova Zelândia, para descobrir quanto tempo o DNA demora para se degradar após a morte do organismo. Os pesquisadores descobriram que a meia-vida da molécula de DNA...

É tudo culpa da evolução (V.3, N.5, 2017)

Provavelmente em algum momento da sua vida você já reparou que, em certas populações de indivíduos de uma mesma espécie, há uma grande variabilidade e que em outras, os indivíduos são bem parecidos. Mas porque isso acontece? E se eu te falar que tudo isso...

Genética da doença de alzheimer (V.3, N.5, 2017)

Genes são portadores de informações genéticas que controlam a função de cada célula do nosso corpo. Eles determinam todas as nossas características, como a cor dos olhos, cabelos e da pele. Há ainda outros genes que podem nos deixar mais propensos a desenvolver certas doenças. Os...

Preditor de genes para dados de metagenômica (V.3, N.5, 2017)

Como mencionado em uma postagem recente do Blog, a metagenômica consiste em (tentar) identificar todos os micro-organismos de um ambiente.  Justamente por querermos identificar os representantes dessa comunidade, à partir de dados de sequenciamento NGS, podemos também obter os genes de cada espécie presente no...

Reconstruindo a árvore da vida (V.3, N. 2, 2017)

Como você já deve ter ouvido falar, os humanos são parentes muito próximos dos chimpanzés, afinal temos um ancestral comum bem recente com estes primatas. Isto já não é uma ideia muito estranha, afinal os chimpanzés (e outros animais) nos surpreendem a cada dia com...

Avaliação crítica do problema da edição do genoma humano, pt.2 (V.3, N. 2, 2017)

No artigo primeiro da Lei de Biossegurança do Brasil se lê que ela estabelece “normas de segurança e mecanismos de fiscalização sobre a construção, o cultivo, a produção, a manipulação, o transporte, a transferência, a importação, a exportação, o armazenamento, a pesquisa, a comercialização, o...

Preocupações em torno à edição genética (V.3, N. 2, 2017)

Coloquemos primeiramente o senso comum para funcionar. De imediato surgem uma série de perguntas básicas: Quais são os efeitos de larga escala das manobras de interferência genética? Consideremos, por exemplo, a questão do ZIKA/DENGUE. A proposta é editar a informação do DNA e gerar no laboratório...

Skip to content