Enquanto isso lá fora…

Adoro quando tenho tempo para colocar meus feeds em dia e eis que encontro no The Greenwashing Blog uma questão sobre garrafas de plástico feitas de matéria-prima vegetal. Olha, e não é que eu falei disso em março no post A embalagem, o lixo e o ciclo de vida?

dasani-greenwash-plant-bottlegreen_bottle

 

Esse blog cita mais 2 outros blogs (um deles com um post de 2009!) perguntando se essa é mesmo uma solução para o problema (seja ele qual for, reciclagem, lixo, água engarrafada, fonte de matéria-prima) ou se não passa apenas de greenwashing da marca dona da água que propagandeia a garrafa com 30% de plástico de origem vegetal (veja que aqui no Brasil nós conseguimos evoluir, nossas garrafas são 100% de origem vegetal!).

Eu já dei a minha opinião a respeito e parece que mais gente pelo mundo também anda questionando as empresas sobre o assunto. E ai, usar matéria-prima renovável é um pequeno passo para uma nova direção ou apenas maquiagem verde?

2 Comments

  • 19 de julho de 2011 - 11:09 | Permalink

    vou sonhando, que é o começo do caminho pralgum lugar. garrafas vegetais, falta falar em lixo compostável. fiquei muito impressionada com o sistema de lixo em são francisco, califórnia. uns anos atrás, eles eram fundamentalistas da reciclagem. agora avançaram: tudo quanto é lugar – casas, estabelecimentos comerciais, hospitais… – tem lixeiras para lixo compostável. que é recolhido pela prefeitura. em lanchonetes isso inclui, por exemplo, os talheres descartáveis. são de plástico feito de amido (continua sendo plástico?). reduz MUITO o lixo mais problemático!

  • 3 de setembro de 2012 - 23:24 | Permalink

    Bacana a chamada, pensei que fosse somente eu o indignado com esse greenwash “Garrafa de Planta”. Tenho uma matéria escrita sobre esse e outros casos no meu recém-publicado blog ecopiniao.wordpress.com.

    Abraço!

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *