>2010? No meu tempo…

> Para muitas pessoas, a primeira década do século XXI, apesar de todos os seus avanços tecnológicos, não teve a menor graça, por que foi uma sombra do que esperavam que fosse:  [clique para aumentar]  Mas mesmo assim, nós conseguimos superpoderes incríveis.

>Nem tão solitário planeta

> Atendendo a pedidos do ilustre Kentaro Mori, autor dos blogs 100 nexos, Ceticismo Aberto e  da coluna Dúvida Razoável, traduzi integralmente o ensaio “Not-So-Lonely Planet”, publicado pelo Oliver Morton, editor-chefe da revista Nature na edição de 24 de dezembro último do New York Times. O ensaio baseia-se na famosa Leia mais…