Vulcano e os irmãos perdidos de Mercúrio (parte 2)

Mercury_Globe-MESSENGER

Mercúrio, tal como visto pela sonda MESSENGER. [imagem: NASA]

A ideia de que possa haver (ou ter havido) um planeta em órbita intra-mercuriana é, na verdade, mais antiga que as pesquisas sobre sistemas extrassolares. No século XIX, astrônomos profissionais como o francês François Arago e o matemático Urbain Le Verrier suspeitavam da existência de um planeta ainda mais achegado ao Sol. Chamado de Vulcano, o pequeno e tórrido planeta rochoso foi caçado com telescópios e equações por dezenas de astrônomos profissionais e amadores, mas nunca foi encontrado. Não no nosso sistema solar. (mais…)

Vulcano e os irmãos perdidos de Mercúrio (parte 1)

Vulcanoid-580x435

Impressão artística de um pequeno (e hipotético) asteroide vulcaniano.

O século XIX foi pródigo na descoberta de asteróides, cometas e planetas. O primeiro grande evento astronômico dos 1800s foi a descoberta de Ceres, então considerado um planeta, logo no dia 1º. de janeiro de 1801. Décadas mais tarde, um matemático francês encontrou Netuno nos confins do Sistema Solar. Seu nome era Urbain Le Verrier e ele passou a vida acreditando ter descoberto um outro planeta, Vulcano. (mais…)

Planeta Vapor de Mercúrio

Não, ainda não descobriram um planeta com vapor de mercúrio na atmosfera. Mas o telescópio espacial Kepler pode ter acabado de localizar um Mercúrio que literalmente está a todo vapor. O exoplaneta, do tamanho do nosso vizinho mais próximo do Sol, normalmente não seria visível. Mas suas condições extraordinárias de Leia mais…