João Ubaldo Ribeiro morre de embolia pulmonar

1910006_1507038632843394_6358761327474880171_n

Por Kátia Kishi

O jornalista e escritor João Ubaldo Ribeiro nasceu na Ilha de Itaparica (BA) em 1941 e foi autor de livros clássicos da literatura brasileira moderna que reinterpretavam o Brasil, como “Sargento Getúlio” (1971) e “Viva o povo brasileiro” (1984), que lhe renderam premiações como o Jabuti e em 2008 o Prêmio Camões (o principal para autores de língua portuguesa).

Hoje (18) o baiano, que também foi membro da Academia Brasileira de Letras, faleceu no Rio de Janeiro de embolia pulmonar. Com o clichê de “o autor se foi, mas suas obras permanecem”, despedimos de João Ubaldo Ribeiro pensando em seus renomados livros, analisado no artigo publicado pela Revista Brasileira de História (vol.21, nº 42, 2001) que estuda “Viva o povo brasileiro” e o livro “O cortiço” como narrativas que apresentam o processo de formação das elites brasileiras.

Confira a reflexão de “Da senzala ao cortiço – história e literatura em Aluísio Azevedo e João Ubaldo Ribeiro”:

Artigo: Da senzala ao cortiço – história e literatura em Aluísio Azevedo e João Ubaldo Ribeiro
Autor: Regina Dalcastagnè
Revista: Revista Brasileira de História (vol.21, nº 42, 2001)
Link: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-01882001000300011&lang=pt