Conflitos Esquecidos — Guerra Óptica

“Telescópio holandês” (1624). Gravura de Adriaen van de Venne e Jan Pieters van de Venne

Não foi um conflito militar, é claro. Ninguém saiu por aí armado de lunetas, microscópios e lentes. Essa pequena e esquecida guerra aconteceu nos jornais de Londres no começo do século XVIII. De um lado, a ambiciosa e talvez inescrupulosa jovem guarda da óptica, armada de uma autoconfiança cega; de outro, os veteranos do ramo, munidos de um ceticismo científico. No centro da disputa, a suposta performance de certos instrumentos, como um telescópio de dois pés. Não houve feridos, a não ser orgulhos. (mais…)

“Revista de Megapodologia”

Quer ganhar dinheiro e ainda ter seus artigos acadêmicos sempre aceitos? Porque não cria seu próprio periódico científico? Parece piada universitária, mas não é. Foi exatamente isso que a veterinária norte-americana Melba Ketchum fez. Ketchum considera-se uma especialista no Pé Grande (ou Sasquatch), o folclórico grande símio da costa oeste Leia mais…

Bob McCoy e seu Museu de Fraudes Médicas

File:Electro-metabograph machine.jpg

Electro-metabograph: impressionante, mas inútil.

Allure Bust Developer, Battle Creek Vibratory Chair, Crystaldyne Pain Reliever, MacGregor Rejuvenator, Micro-Dynameter, Prostate Gland Warmer, Psychograph, Recto Rotor, Relaxacisor, Vibrometer… Parece uma série de produtos do Polishop. De certo modo, todos essas marcas foram mais ou menos isso em suas épocas. O que todas tiveram em comum? Elas eram vendidas em catálogos e prometiam alguma cura de forma completamente pseudocientífica. (mais…)

A farsa do coala irado

Você já deve ter visto a imagem acima em outras páginas da internet. Assustadora, não? Tanto que muita gente nem percebeu que poderia ser fake. Há duas razões básicas para a falsidade: 1) coalas são geralmente avessos a água e 2) é anatomicamente impossível que esses marsupiais tenham uma mandíbula Leia mais…

Perna pra que te quero

O que acontece quando se junta vingança e fetiche por pernas? Provavelmente, algo assim: “Em certa noite, uma pessoa veio ao nosso escritório e pediu para ver o editor do Lancet. Ao ser introduzido em nosso santuário, ele colocou um saco sobre a mesa, do qual, em seguida, ele retirou Leia mais…

A primeira missão interestelar já começou?

Concepção artística de “Daedalus”, astronave interestelar proposta pela British Interplanetary Society. (imagem: icarusinterstellar.org)

Se depender de alguns entusiastas liderados por Mae Jamison, a resposta é sim. Não são entusiastas de garagem: um programa recém-lançado, chamado 100 Year Starship Program, é uma iniciativa conjunta de respeitáveis organizações como a British Interplanetary Society, a americana Icarus Interstelar, Inc. e o próprio SETI. E, em maio, a Defense Advanced Research Projects Agency (DARPA), — agência americana de projetos do Departamento de Defesa — anunciou que vai financiar os trabalhos do 100YSS. Ou, pelo menos, o começo dos trabalhos. Mas, com tantos problemas relacionados — questões humanas, políticas, financeiras e tecnológicas — será possível realizar uma viagem interestelar dentro de um século? O entusiasmo pelo 100YSS não seria mais um fogo de palha astronáutico? (mais…)

>O Incidente de Kersey

> Kersey em 1957. Aquarela de Jack Merriot. Pensando bem, aquele silêncio era mesmo uma coisa muito estranha: os sinos das igrejas pararam de tocar e até os patos se calaram e ficaram quietos no pequeno riacho no começo da rua principal enquanto o trio de cadetes navais se aproximava Leia mais…