Quem já tentou discutir com um fundamentalista, especialmente um cristão, com certeza já ouviu uma dessas:

[do hiliariantemente herético LOLgod]

0 comentário

Liel Pires · 26 de janeiro de 2012 às 16:24

Gostei da tirinha, mas:
Sou agnóstico e não vejo razão em tentar convencer um crente ou similar de que ele está errado. Cada um credita no que quer. Não acho o ateu melhor que o crente justamente porque a maioria dos ateus se contorcem quando vêem um crente e começam a colocar fogo pelas ventas. É indignante a ignorância, mas cada coisa em seu lugar, cada macaco no seu galho, sem essa de “áh sou melhor e posso zoar”. Enfim, gosto do muito do blog e isso foi só uma exposição do meu pensamento.

Leandro Lima · 26 de janeiro de 2012 às 16:59

Concordo com Liel. Além do mais, o que o post tem a ver com Ciência mesmo?

    Renato Pincelli · 26 de janeiro de 2012 às 19:53

    E porque o conteúdo que publico aqui deveria ser exclusivamente científico? A minha visão de mundo não conta? Não estou tentanto “converter” ninguém, só estou apresentando uma crítica humorística ao pensamento religioso.

Liel Pires · 5 de fevereiro de 2012 às 17:39

Pode sim, claro! Desculpe eu ter desabafado justamente nesse blog. Lembro que nessa semana eu estava faminto por conteúdo, e, 20% dos posts de blogs de ciência que leio fielmente, era alguma reclamação/lamentação por causa dos crentes, alguma tirinha tirando onda, ou coisa do gênero. Eu saturei e coloquei pra fora o que pensava.

Pedro Lima · 29 de abril de 2013 às 16:34

Cara, você não precisa pregar o ódio, sabia? Eu sei que isso é uma ~crítica humorística~ generalizada, mas o ateísmo não é necessariamente superior à religião. O fato da maioria brasileira ser religiosa demonstra que a religião não é a causa da estupidez (nem vice-e-versa)

    Renato Pincelli · 29 de abril de 2013 às 20:14

    Claro que não há, necessariamente, uma relação de superioridade dos ateus em relação aos que creem. No entanto, eu não vejo onde essa crítica humorística está pregando ódio. Ninguém aqui está propondo que crentes melindrosos sejam apedrejados ou lançados na fogueira sem qualquer julgamento. No máximo, demonstramos o quanto são ridículos.

    rafinha.bianchin · 1 de maio de 2013 às 15:01

    Ou, segundo Volmir Martins, “se tu não sabe fazer, não estraga o que ‘ta feito […]”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *