Uns bons drink das antigas

Os professores de magia antiga bem como moderna encontraram poderosos auxiliares nas drogas soporíficas e nas bebidas inebriantes que desarranjam os estados físicos e mentais do homem. As águas de Lethe e a beberagem de Mnemósine, que matou Timócrates em três meses depois de ele dar um trago na caverna Leia mais…

Uma alegoria geológica

Os escritores árabes da Idade Média cultivaram, com algum sucesso, o estudo da mineralogia, mas seus trabalhos não resultaram em descobertas geológicas. Sir Charles Lyell [1797-1875] cita uma alegoria árabe que remonta a essa época e que antecipa, de maneira notavelmente bela, algumas das conclusões alcançadas pela geologia moderna. Ela Leia mais…

Zarya, o navio não-magnético

Em uma baía do Pôrto de Leningrado oscilava lentamente um veleiro de três mastros. Despojado das velas, entre as driças correm fios metálicos de antenas. À proa do veleiro destacam-se as letras “Zaria” (“Alba” em russo). Dir-se-ia um pequeno iate, com seu madeiramento envernizado, suas cabines apaineladas e sem sem Leia mais…

Skip to content