PEQUENO GLOSSÁRIO DE GÊNERO

PEQUENO GLOSSÁRIO DE GÊNERO

Cosmovisão de gênero : Modo geral de entender os gêneros, herdado da tradição e do contexto cultural porém sujeito à transformação. Base da identidade de gênero pessoal. A cosmovisão de gênero atual é fortemente machista, patriarcal e etnocentrista.

Identidade de gênero : Refere-se à percepção subjetiva que um indivíduo tem sobre si mesmo em relação ao próprio gênero, que pode ou não coincidir com as características fisiológicas.

Estudos de gênero – Campo interdisciplinar de pesquisa que procura compreender as relações de gênero – feminino, masculino e transgêneros – na cultura e sociedade humanas. Surge nos EUA como desenvolvimento dos estudos feministas nos anos 60 do Século XX (Judith ButlerMichel Foucault).

Perspectiva de gênero/Perspectivismo – 

Democracia de gênero –Organização sócio-política na qual existe uma equidade de oportunidades e direitos e deveres para todos os indivíduos independentemente do seu gênero e orientação sexual. Conjunto de políticas públicas que garante uma organização justa e abrangente no que toca à divisão do trabalho; do poder; da obtenção, administração e usufruto do patrimônio material e imaterial comum, etc. “Utopia” contemporânea (Kleba Lisboa, 2018).

Desigualdades de gênero – Problema político, social-legislativo e também teórico. Desde o ponto de vista social diz respeito ao estatuto perante a lei, à divisão sexual do trabalho, do poder, etc. entre os sexos. Desde o ponto de vista conceitual, implica a indagação nas caraterísticas, competências e capacidades próprias de cada gênero (caso existam), delimitando (semelhanças e) diferenças, etc.

Sororidade – Solidaridade com base na semelhança. Implica pactos intragenéricos.  Risco: “mística” (Bach, 2010) e extremismo: feminismo como ideologia.

Pacto entre mulheres  – Modo de se relacionar das mulheres entre si com base na semelhança (identidade de gênero), na solidaridade e na reprocidade. Aliança (contrato?) social que implica criação de linguagens e códigos comuns e que possui força política (“Poderio de gênero”, Kleba Lisboa, 2018).

Pacto entre homens – Modo de se relacionar dos homens entre si com base na semelhança (identidade de gênero), na solidaridade e a reprocidade. Aliança (contrato?) social que implica criação de linguagens e códigos comuns e que possui força política (“Poderio de gênero”, Kleba Lisboa, 2018).

Machismo – Posição teórico-política que se fundamenta no pacto de gênero e na irmandade.

Como ideologia, assume a condição masculina como fundamento genérico único e excludente e o constitui no referencial de valor absoluto da organização da vida pública e privada. Na tradição ocidental, remonta ao mito cristão da criação. Resulta em injustiça social, na medida em que as normas são ditadas em função de preconceitos [machistas] de gênero. Apresenta aspectos nocivos, destrutivos, opressivos e alienantes (Lagarde, 1996)

 Feminismo – Posição teórico-política que se fundamenta no pacto de gênero e na sororidade. Na tradição ocidental, remonta aos séculos XIX e XX.

Como ideologia: assume a condição feminina como fundamento genérico único e excludente e o constitui no referencial de valor absoluto da organização da vida pública e privada. Resulta em injustiça social, na medida em que as normas são ditadas em função de preconceitos [feministas] de gênero. Apresenta aspectos nocivos, destrutivos, opressivos e alienantes.

Pacto intergenérico  –

Interseccionalidade – 

Transgeneridade – [cisgênero] 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content