Poucas coisas são tão bonitas quanto os duetos de Contact Improvisation

  Contexto da escrita – depois do dia de trabalho, imediatamente após a Jam de abertura. As danças de Contact têm uma performatividade própria (entrevista com Ana Alonso, 2016). A Jam como um ambiente para a experiência cinestésia.A textura do espaço cooking (Alessi, 2011) pelas improvisações. Pela manhã nos apresentamos em círculo. Somos quase 40. {{…}}

Encontro Internacional de Professores de Contato Improvisação na América Latina 2018

Foto da capa: Lucas Damiani durante Jamazo Uruguai 2017 O EIMCILA é  Encontro Internacional de Professores de Contato Improvisação  na América Latina que vai acontecer de 5 a 11 de março de 2018 em Maldonado, no Uruguai. É uma reunião circular de 7 dias, onde professores e dançarinos experientes criam uma estrutura para compartilhar curiosidades, questões e pontos de vista em relação à prática do CI em geral e sua transmissão em particular. O formato é  uma estrutura aberta onde existem laboratórios, círculos de reflexão, jams etc., de acordo com os interesses e propostas do grupo que participa. Destina-se a pessoas ligadas à transmissão e/ou pesquisa do CI. O foco para este ano é desvendar o processo antes da transmissão. {{…}}

Dentro de mim outra ilha

Gosto muito de ver estreias e perceber pontos de fragilidade que apenas o tempo de vida da obra vai fortalecer. E gosto muito também de ver peças consagradas a algum momento histórico, reacts, remontagens e peças de vida longa. Esse é o caso de Dentro de mim outra ilha, do renomado coreógrafo moçambicano Panaibra Gabriel. {{…}}

TEKA

Ontem de noite, no palco grande do CCFM, apreciamos a estreia do work in progress de TEKA, de Horácio Macuácua e Idio Chichava com o grupo de danças tradicionais moçambicanas HODI e artistas convidados: os bailarinos profissionais Matanyane (colaborador do blog da Mucíná) e Osvaldo Passirivo, o músico Kasszula, o beat maker Nandele. A residência {{…}}

Estreia hoje o KINANI 2017 em Moçambique!

Esta noite será a abertura da sétima edição do KINANI, Plataforma Internacional de Dança Contemporânea de Maputo, que completa seus 15 anos de vida! Vinte e cinco obras de 50 criadores e intérpretes de 14 países serão apresentadas nas salas de espetáculo e espaços urbanos da capital moçambicana: Moçambique, Portugal, Estados Unidos da América, França, Zimbabwe, Quénia, Espanha, Ilha {{…}}