Através do peso e da leveza intersubjetiva dos corpos, Contato Improvisação celebra 50 anos de existência

Com base na escuta e no jogo de resistência entre os corpos, a prática cruza linguagens artísticas, promove reflexões sociais e aprofunda o entendimento sobre a consciência por trás do movimento  por Kátia Appolinário “Será atroz o peso e bela a leveza?” Essa reflexão é proposta por Milan Kundera logo nas primeiras páginas do clássico {{…}}

Um pólo de Contato Improvisação em Campinas – ano 2012 – n.2

A extensão universitária como casa A parceria com o Espaço Cultural Casa do Lago/PREAC/UNICAMP estava firmada e iniciamos o primeiro semestre com uma oficina de Improvisação de Dança, compartilhada com muita autonomia e colaboração, entre mim e Raquel Minako. Raquel queria se tornar uma professora de Contato Improvisação. Cursava pedagogia na Faculdade de Educação e {{…}}

Relato de experiência do processo de formação no primeiro ano do Curso Extensivo de Treinamento e Pesquisa em Contact Improvisation na Mucíná – Aquela que dança: pesquisa em prática artística

O primeiro ano letivo da Formação Contato aconteceu, para mim, de março a dezembro de 2019, sob a orientação de Marília Carneiro. Foram 10 módulos, dos quais participei de oito. Até então, quando da minha inscrição no curso, tinha pouquíssimos conhecimentos em Contato Improvisação (Paxton, 1972). Por fazer teatro e ter participado de um grupo {{…}}

Hipótese alpha: Tchãram!

  Car@ leitor@, para acessar o capítulo anterior,clique aqui.        Tchãram!             Encontre os capítulos anteriores que compõe esta novela em https://www.blogs.unicamp.br/mucina/category/series/hipoteses-para-o-leitor-uma-novela-performatica-gestual/. Para receber as notificações no seu email, cadastre-se no RECEBA A MUCíNá na barra lateral. Ou siga pela página no Facebook. E não se esqueça de deixar o seu comentário abaixo!;)